20/10/2021 às 10h01min - Atualizada em 20/10/2021 às 10h01min

Vereadora dispara: “Gestão de Emanuel é uma mancha na história de Cuiabá”

Michelly lamenta nova operação na Saúde e diz que prefeito não pode alegar ignorância

A vereadora Michelly Alencar: críticas à atual gestão
Por Lislaine dos Anjos / Midia News 
A vereadora Michelly Alencar (DEM) classificou como “mancha na história de Cuiabá" a gestão do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB), que foi afastado do cargo na terça-feira (19/10), após ser alvo da Operação Capistrum.

A nova operação é fruto de investigação de contratações temporárias na pasta, sendo a grande maioria fruto de indicações políticas que teriam por objetivo fortalecer o apoio a Emanuel – principalmente na Câmara de Cuiabá.

“Hoje, infelizmente, é um dia histórico para Cuiabá. Mais uma vez nossa cidade é notícia nacional em razão das ações do prefeito Emanuel Pinheiro. A gestão deste prefeito é uma mancha na história da nossa cidade”, afirmou Michelly ao MidiaNews.

A operação também resultou no afastamento de dois servidores apontados como aliados de Emanuel desde a época da Assembleia Legislativa: a adjunta de Governo e Assuntos Estratégicos, Ivone de Souza, e o chefe de Gabinete Antônio Monreal Neto, sendo que este último foi preso por obstruir as investigações.PUBLICIDADE

A ação ainda teve como alvo a primeira-dama Márcia Pinheiro e o ex-coordenador de Gestão de Pessoas da Secretaria de Saúde, Ricardo Aparecido Ribeiro.

O prejuízo que teria sido causado pelo grupo ao erário é de R$ 16 milhões, conforme o Ministério Público Estadual.

Michelly lembrou que a gestão de Emanuel já foi alvo de várias operações policiais que resultaram no afastamento de sete secretários, não mais sendo possível o prefeito alegar ignorância sobre as irregularidades que estariam ocorrendo no Município.

“Não há o que se celebrar, mas sim lamentar, porque enquanto milhares sofreram e sofrem com a ausência do poder público em suas mínimas necessidades, a atual gestão se preocupava apenas em praticar e tentar esconder suas ilegalidades”, disse a vereadora.

“Agora, a conversa do prefeito de que ele não sabia de nada não cola mais. Vamos acompanhar atentamente os desdobramentos dessa lamentável situação para que não fiquem impunes os crimes que estão sendo levantados pelo Ministério Público e que denunciamos aqui na Câmara também”, completou.
 
Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real (Clique AQUI)
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.2%
4.4%
17.2%
77.2%