05/05/2014 às 19h35min - Atualizada em 05/05/2014 às 19h35min

Músico do Araguaia vence etapa nacional de concurso de guitarra

Olhar Conceito / Araguaia Notícia
Tv Serra Azul / Band Fábio na Band pedindo voto no sábado

O músico Fábio Eichmann ficou em primeiro lugar na fase classificatória do maior concurso brasileiro de guitarristas, o “Eagle XP”. Ele teve 845 votos e estará, juntamente com mais três finalistas, na última etapa em São Paulo, dia 31 de maio. Fábio reside em Aragarças-GO e tem uma banda em Barra do Garças, a “Myauc’lat”, que já fez vários shows na região e ganhou projeção em 2008 com a versão jovem do hino barra-garcense “Eu Amo Barra”, da autoria de Eudes e Cândinho.

Antes da votação pela internet, o trabalho de Fábio foi apreciado e aprovado juntamente com mais 15 classificados por uma comissão julgadora formada por guitarristas conceituados do país, como Marcos De Ros, Leo Mancini (Shaman e Noturnall) e Heraldo Paarmann (Ultraje a Rigor).

Fábio escolheu o backing track “Peter Pan”, de Marcos de Ros, para fazer o seu solo. No sábado (03), o músico esteve no Jornal da Band, da Tv Serra Azul, onde pediu apoio do público para votar nele na internet, o que acabou dando certo.

O músico estava em 5º lugar por volta do meio-dia de sábado e, após a entrevista na TV, ele obteve vários votos e terminou na primeira colocação. “Eu quero agradecer ao público, aos amigos que me ajudaram e principalmente aos apaixonados por guitarra como eu. Vou me esforçar para fazer bonito em São Paulo”, completou. 

A etapa vencida por Fábio foi formada por 16 finalistas que apresentaram os solos de guitarra que eram avaliados pelo público por votação direto no site da empresa que está promovendo o concurso.

O concurso Eagle XP é garantia de maior projeção na carreira e foi importante para revelar talentos da nova geração de guitarristas como Cacá Barros (Votorantim-SP), que conquistou o primeiro lugar em 2012. Ele afirma que quando se inscreveu no Eagle XP não estava confiante, mas contou com o apoio de amigos e da atual esposa, e conseguiu vencer. Segundo ele, foi depois do concurso que ele decidiu viver da música e quando “muitas portas se abriram”.

Em 2013, Leandro Farias (Campina Grande-PB), primeiro colocado em 2013, também sentiu a mudança. “Através do Eagle XP a minha vida profissional cresceu muito tanto na área de produtor e arranjador musical quanto como guitarrista”, diz. Leandro afirma que criou o solo usado na competição de forma espontânea, assim como todos os outros que já fez, além disso, confessa ter feito a inscrição, sem nenhuma expectativa. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »