11/04/2011 às 22h12min - Atualizada em 11/04/2011 às 22h12min

MT promoverá seminário sobre exploração sexual infantil e juvenil nas rodovias

O evento será de 18 a 20 de abril em Cuiabá

PRF-MT
Reprodução O seminário será promovido em Cuiabá com autoridades nacionais no assunto

Visando capacitar e qualificar seu quadro funcional, além de fortalecer a integração interinstitucional, a Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FENAPRF) e o Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais do Estado de Mato Grosso (SINPRF-MT), convida a sociedade para participar do Seminário Nacional de Enfrentamento e Sensibilização à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes nas Rodovias Federais – 2011, que ocorrerá nos dias 18, 19 e 20 de abril de 2011, no auditório do Hotel Global Garden, situado na Avenida Miguel Sutil, 5555 – Cuiabá/MT.

O objetivo do evento é contribuir para o amadurecimento do sistema de proteção à violência sexual contra a criança e o adolescente, que se encontram vulneráveis às ações de abusadores oportunistas e de aliciadores da rede que pratica essa modalidade delituosa.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), no estado de Mato Grosso, vem desenvolvendo ações de natureza repressivas e preventivas ao longo das rodovias, mapeando os pontos vulneráveis, desenvolvendo ações de prevenção em conjunto com outras instituições empenhando-se em conscientizar a classe infanto-juvenil, através de palestras nas escolas e outras atividades que têm contribuído para a superação dessa problemática. Todavia, precisamos acentuar as ações de forma efetiva e progressiva, pois os dados indicam que este tipo de delito, além de causar grave prejuízo para a comunidade, desagregando a família, também contribui para a associação de outros delitos, que se utilizam dessa criança ou adolescente que se encontra em estado de vulnerabilidade.

Os interessados em participar podem entrar em contato através dos telefones (65) 3025-4560, 9203-3258, 9251-3072 ou através do e-mail: [email protected].


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.1%
24.5%
1.4%