01/08/2021 às 21h38min - Atualizada em 01/08/2021 às 21h38min

Previsão de Odoni se cumpre e afilhado político se elege prefeito de Torixoréu com 1.489 votos

O cowboy cresceu e se consolida com a nova força política de Torixoréu aos 28 anos de idade

Araguaia Notícia
O jovem prefeito Thiago Timo (PSB), que completou 28 anos no dia 17/6, foi o grande vencedor da eleição suplementar de Torixoréu, no domingo (1/8), com 1.489 votos representando um percentual de 55,09% dos votos válidos desta eleição.

A vitória de Thiago confirmou também uma previsão feita em dezembro do ano passado pelo ex-prefeito Odoni Coelho ao repórter Ronaldo Couto durante uma entrevista sobre a situação política de Inês Coelho. Para o público entender, Odoni conseguiu reeleger a esposa Inês Coelho, todavia a Justiça, entendeu que seria um terceiro mandato da família, e com isso impugnou a chapa de Inês.

Lá em dezembro, após o resultado do TSE, Odoni comentou com o repórter Ronaldo Couto, que o seu plano B seria eleger o vereador Thiago Timo para presidente da Câmara Municipal e com isso colocá-lo para disputar a prefeitura na eleição suplementar. A previsão de Odoni deu certo.

Só que ele (Odoni) não ficou vivo para acompanhar o triunfo do afilhado, pois no dia 12 de janeiro deste ano, faleceu devido a Covid. A morte de Odoni, de certa forma, fortaleceu o grupo que ele criou para enfrentar a família Saggin em Torixoréu.

Foram várias eleições onde o grupo de Odoni conseguiu vencer a família Saggin e a cena se repetiu neste domingo, com Thiago que saiu vitorioso das urnas com 1.489 votos, totalizando 55,09%; já o candidato da oposição, Jonnes Saggin (PL), filho do ex-deputado estadual Lincoln Saggin, ficou em segundo lugar, com 1.214 votos sendo 44.91% dos votos.

O afilhado político de Odoni cresceu no cenário político e agregou novos aliados. Para disputar a eleição suplementar, Thiago conseguiu a simpatia e admiração de várias lideranças estaduais como o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, Max Russi; o governador de Mato Grosso, Mauro Mendes, mais dez prefeitos da região do Vale do Araguaia liderados pelo prefeito de General Carneiro, Marcelo Aquino, e com apoio também do ex-prefeito de Barra do Garças, Roberto Farias.

No passado, Thiago foi cowboy e empresário de rodeio e logo ingressou na política se elegendo vereador em 2016 e se reelegendo em 2020 com uma votação expressiva de 282 votos. Na sequência, se elegeu presidente da Câmara e foi prefeito interino de janeiro a julho de 2021.

E a partir, de hoje, ou seja, a partir de agosto, segue como prefeito para completar o mandato até 31 de dezembro de 2024. Parabéns Thiago Timo.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
5.4%
18.5%
74.4%