26/07/2021 às 21h39min - Atualizada em 26/07/2021 às 21h39min

Advogada Cleri Rezende assume presidência do Conselho da Mulher em Barra do Garças

Keka Werneck / assessoria da OAB - MT + Araguaia Notícia
Cleri Rezenda nova presidente do Conselho Municipal da Mulher em Barra do Garças-MT
A advogada Cleri Rezende, tesoureira da subseção de Barra do Garças da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso (OAB-MT), acaba de assumir a presidência do Conselho Municipal da Mulher. Segundo ela, que já advoga há mais de 10 anos com foco no Direito da Mulher, sua pretensão é, principalmente, estruturar o conselho para dar apoio às vítimas.

Ela destaca que, em pleno século 21, a mulher ainda é alvo de agressão e violência, seja no lar ou em espaços públicos, e, no extremo deste problema, ocorre o feminicídio. Por outro lado, elas veem disputando, com cada vez mais força, espaço na sociedade.

“O conselho já existe desde 2005, mas estava um pouco inativo. Na presidência, espero estruturá-lo, já que não tem nem regulamentação, nem regimento interno. Já entrei em contato com a presidente do Conselho Estadual, que também é advogada, Dra Gláucia Amaral. Vamos unir forças, para criar mecanismos e apoiar mulheres que sofrem violência doméstica e familiar em Barra e região. Sempre atuei nessa linha, assumi vários casos de Maria da Penha. Já fui inclusive da Comissão do Direito da Mulher na OAB-MT, Subseção de Barra do Garças. E vejo que a advocacia vem sempre à frente, puxando essa transformação social, inclusive temos vários nomes fortes de mulheres advogadas, como o da própria Dra Gláucia e o da nossa vice-presidente da OAB, Dra Gisela Cardoso, que tão bem nos representam”, comenta.

Em Barra do Garças, no âmbito do Conselho Municipal faz-se necessário elaborar projetos bem estruturados, na opinião dela, que deem o devido suporte clínico, físico e psicológico às vítimas. “Vamos criar projetos e trabalharmos em conjunto com a ‘Rede de Frente’ de combate à violência contra a mulher”. Esta é uma das metas da Dra Cleri. Ela também pretende criar, com apoio do Prefeito Municipal, Adilson Gonçalves de Macedo, e da Secretaria de Assistência Social, uma casa de apoio onde poderá ser dada a devida assistência à vítima.

O Conselho Municipal da Mulher de Barra do Garças é independente, mas funciona na Secretaria Municipal de Assistência Social. O cargo de presidente é eletivo. A escolha se dá por voto no âmbito do Conselho.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
5.4%
18.5%
74.4%