21/06/2021 às 11h12min - Atualizada em 21/06/2021 às 11h12min

Vereadores aguardam planilha de custos para colocar em pauta projeto sobre ajuda a Garçastur

A empresa pediu 30 mil reais por mês para as prefeituras de Barra do Garças e Aragarças

Araguaia Notícia
Os vereadores de Barra do Garças estão aguardando a planilha de custo da empresa de transporte coletivo, Garçastur, que até por volta das 11 horas da manhã de segunda-feira (21/6) ainda não tinha sido enviado à Câmara Municipal. Esse documento foi solicitado pelos parlamentares para avaliar a real necessidade de uma ajuda financeira da prefeitura para empresa, que alega dificuldades financeiras devido a pandemia.

Na semana passada, as prefeituras de Barra do Garças e Aragarças anunciaram que iriam ajudar a empresa com 30 mil por mês durante 3 meses e enviaram projeto ao legislativo para autorizar essa subvenção(ajuda). A matéria entrou com pedido de urgência para ser votado logo no legislativo, porém os vereadores derrubram esse pedido de ajuda na sessão do dia 14/6 alegando que eles não tiveram acesso a planilha de custo.

Agora pouco, por telefone, o presidente Pedro Filho, disse que a planilha ainda não tinha sido enviada ao legislativo, todavia, se o documento chegar no período da tarde, os vereadores estariam dispostos a fazer uma força-tarefa e lerem o documento ainda hoje para ser votado logo mais à noite de segunda-feira (21/6).

Sobre a questão do reajuste da tarifa do coletivo de 3,90 para 4,00, Pedro Filho voltou a explicar que aumento não depende do legislativo e pode ser homologado pelo executivo através de decreto. Tanto o aumento de 10 centavos na passagem como também a ajuda financeira foram os pedidos da empresa para se reequilibrar e manter o serviço de transporte coletivo funcionando.

Devido a pandemia e a concorrência de outros transportes alternativos, a Garçastur alega que está com dificuldades financeiras e devido a isso já demitiu metade de sua equipe e pode reduzir horários e linhas de atendimento ao público.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.0%
23.7%
1.3%