17/06/2021 às 17h18min - Atualizada em 17/06/2021 às 17h18min

Ex-vice-prefeito desiste e Torixoréu terá dois candidatos em eleição suplementar dia 1/8

Araguaia Notícia
Thiago e Jonnes são os escolhidos nas convenções para disputar eleição suplementar
As convenções partidárias para eleição suplementar de Torixoréu terminam na quinta-feira (17/6) e o pleito que será realizado dia 1 de agosto com dois candidatos a prefeito. O terceiro pretendente seria o ex-vice-prefeito Ademilson Queiroz (PP) que confirmou a sua desistência de disputar o pleito.

Em conversa com a reportagem do site Araguaia Notícia, Ademilson abriu o coração e disse primeiramente que ficou chateado com o grupo político que fazia parte, pois até abril quando iria acontecer a eleição, ele era o candidato a prefeito, porém devido a pandemia, a Justiça Eleitoral adiou a eleição para o dia 1º de agosto e nesse intervalo entrou no páreo para disputar a prefeitura, o prefeito interino de Torixoréu, vereador Thiago Timo (PSB).

Thiago foi convidado pelo partido e recebeu a anuência de sua madrinha política, a ex-prefeita Inês Coelho, viúva de Odoni, para ser candidato.

“Eu desiste de disputar a eleição até mesmo para não prejudicar os meus companheiros e liberei quem me segue para escolher entre Jonnes e o Thiago. Eu pretendo ficar neutro por enquanto e vou analisar no transcorrer da campanha se vou participar ou não da campanha”, destacou Ademilson, que deixou claro, que não fechou as portas para nenhum dos dois concorrentes, ou seja, que pode apoiar lá na frente Thiago ou Jonnes.

As convenções de quinta-feira também definiram os vices. O vereador e presidente da Câmara, José Wilton, será o candidato a vice-prefeito de Thiago Timo. Ambos são do PSB. Já a chapa de Jonnes Saggin, que é filho do ex-deputado estadual Lincoln Saggin, manteve o vice Raimundão.

De acordo com o calendário eleitoral, sexta-feira (18/6), começa o prazo para os partidos entregarem a documentação das convenções junto ao cartório eleitoral.

Regras da Eleição Suplementar

Além de Torixoréu, outros dois municípios de Mato Grosso terão eleições para escolha de prefeito e vice no mesmo período, Acorizal e Matupá. 

Já os registros dos candidatos devem ser feitos até às 19 horas do dia 22 de junho, o último dia para apresentação no Cartório da 9ª Zona Eleitoral, e a propaganda eleitoral será permitida a partir do dia seguinte, 23 de junho.

A partir do dia 17 de julho nenhum candidato poderá ser detido ou preso, salvo em caso de flagrante delito.

A lista com nome completo de cada candidato, nome na urna eletrônica e respectivo número deve ser publicada pelo Juiz Eleitoral no dia 27 de julho. Ainda a partir desta data e até 48 horas depois da eleição, nenhum eleitor poderá ser preso ou detido, salvo em flagrante delito, ou em virtude de sentença criminal condenatória por crime inafiançável, ou ainda, por desrespeito a salvo-conduto.

As seções eleitorais iniciarão a votação a partir das 8h do dia 1º de agosto (domingo) com encerramento as 17h. Concluída a votação terá início a emissão dos boletins de urna.

Os candidatos, inclusive a vice, e os partidos políticos deverão encaminhar ao Juiz da 9ª Zona Eleitoral – Barra do Garças, as prestações de contas de campanha até 6 de agosto. O julgamento das mesmas deverá ser publicado pelo Cartório Eleitoral até o dia 20 de agosto, e a diplomação dos eleitos deverá ocorrer até 23 de agosto.


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.1%
23.6%
1.3%