29/04/2021 às 10h58min - Atualizada em 29/04/2021 às 10h58min

Ambulante que assassinou empresário estava em fuga após tentar matar deficiente físico

Olhar Direto
ARAGUAIA NOTÍCIA
O homem de 50 anos que foi preso nesta quarta-feira (27) após matar Clóvis Rita de Alencar Mendes, 57 anos, em Comodoro (644 a noroeste de Cuiabá), estava em fuga após tentar esfaquear um deficiente físico, com quem discutiu momentos antes. Clóvis interveio em uma discussão entre o suspeito e um taxista e acabou sendo morto a facadas.

De acordo com a Polícia Civil, o autor do crime estava de passagem pela cidade de Comodoro, onde fazia vendas ambulantes. Horas antes de cometer o homicídio que vitimou Clóvis Rita de Alencar Mendes ele agrediu com um soco uma pessoa na porta de um banco. 

A vítima, que é deficiente física, procurou a delegacia e registrou o ocorrido informando que estava vendendo meias na porta da agência bancária de Comodoro, quando houve uma discussão com o suspeito, que a agrediu com socos no rosto e ainda tentou esfaquear a vítima, que conseguiu se desvencilhar usando uma cadeira. 

Com base nas informações, os policiais civis iniciaram as buscas pelo suspeito, quando então foram informados de que uma pessoa havia sido esfaqueada, próximo a um ponto de táxi da cidade pelo mesmo autor da ocorrência anterior.

Conforme a apuração, depois de cometer o primeiro crime e sabendo que estava sendo procurado pela polícia, o suspeito tentou fugir e procurou um taxista, com quem teve uma discussão. 

Clóvis Mendes presenciou a discussão e tentou intervir e acabou sendo golpeado fatalmente pelo suspeito, vindo a óbito no local. Em ação integrada, a Polícia Civil e a Polícia Militar prenderam o suspeito logo depois.
Notícias Relacionadas »
Comentários »