04/04/2021 às 17h45min - Atualizada em 04/04/2021 às 17h45min

Grávida de 8 meses morre de Covid-19 após uma semana esperando por UTI em MT. Vários estados não tem mais UTI

Mikaely Karoline, de 20 anos, estava internada em uma UPA. O bebê dela também morreu

G1 MT
ARAGUAIA NOTÍCIA
Uma jovem de 20 anos que estava grávida de 8 meses morreu em decorrência da Covid-19 em Sinop, no norte do estado, neste domingo (4). Mikaely Karoline Souza estava internada em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e aguardava por um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) há uma semana. Também não foi possível retirar o bebê, que morreu junto com a mãe.

O pedido de transferência era urgente para uma UTI do Hospital Regional, sem vagas, o a secretaria de Saúde do município chegou a tentar uma vaga em outros hospitais até mesmo fora de Mato Grosso, mas não conseguiu,

A fila de espera por leitos de UTI no estado é de 198 pessoas, conforme boletim divulgado pelo governo nesse sábado (3).

Na semana passada, a família de Mikaely entrou na Justiça para conseguir uma vaga na UTI, mas não foi possível a transferência por falta de vaga.

A secretaria de Saúde de Sinop disse que quadro de saúde da gestante era gravíssimo e que a equipe tentava conseguir tanto um leito de UTI pra paciente quanto um outro leito de UTI neonatal para o bebê.

Nas redes sociais, amigos e familiares de Mikaely lamentaram a morte e prestaram homenagens.

Devido às restrições, não haverá velório. O sepultamento de Mikaely será no Cemitério Municipal de Sinop, às 14h30 deste domingo.

Grávidas vítimas da doença

Mato Grosso registrou 12 mortes de grávidas com Covid-19, neste ano, conforme dados são da Secretaria de Estado de Saúde (SES). O aumento é de 110% em relação a 2020, que registrou 10 mortes durante todo o ano.

Desde o início da pandemia até 20 de março de 2021, foram registrados 324 casos da doença em gestantes, sendo 130 somente neste ano. Desse total, 113 precisaram de internação, sendo 37 em 2021.

Covid-19 em MT

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste sábado (3), 314.473 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 7.926 óbitos em decorrência do coronavírus no estado. 

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 527 internações em UTIs públicas e 511 enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 97,96% para UTIs adulto e em 58% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (67.651), Rondonópolis (23.825), Várzea Grande (20.270), Sinop (15.880), Sorriso (11.719), Tangará da Serra (10.940), Lucas do Rio Verde (10.502), Primavera do Leste (9.148), Cáceres (6.832) e Alta Floresta (6.052).
Notícias Relacionadas »
Comentários »