26/03/2021 às 23h20min - Atualizada em 26/03/2021 às 23h20min

Paciente que aguardava vaga na UTI-Covid de Barra do Garças, consegue leito, mas não resiste e morre

Ela foi transferida nesta sexta-feira e teve parada cardíaca dentro da UTI-Covid do Pronto Socorro

Araguaia Notícia
A direção médica do Pronto Socorro de Barra do Garças teve que tomar uma decisão urgente na sexta-feira (26/3) de transferir dois pacientes, com mais de 20 dias internação e teoricamente já sem risco de contaminação do vírus, para UTI normal e com isso acolher os dois pacientes da enfermaria que estavam na fila desde de quinta-feira esperando vagas na UTI Covid. Esses dois pacientes da enfermaria foram para UTI-Covid, mas infelizmente uma mulher de 43 anos não resistiu e faleceu.

O secretário de Saúde, Adilson Tavares, lamentou a morte da paciente. “Infelizmente ela faleceu dentro da UTI Covid já sendo atendida pelos médicos, enfermeiros e fisioterapeutas. A paciente teve uma parada cardiorrespiratória. Tentaram reanimá-la por mais de 40 anos minutos como prevê o protocolo, mas a equipe não obteve sucesso”, completou Adilson.

Esse é o primeiro caso de paciente de Covid que praticamente morre na fila esperando vaga na UTI em função da superlotação dos hospitais.

Tavares ressaltou que Barra do Garças começa a viver o mesmo drama de outras cidades do país que estão com hospitais cheios e o número de casos subindo. “Nós não queriamos estar aqui comentando essa situação, mas essa situação se deve a variante do vírus que está mais forte", destacou. 

O secretário encerrou a entrevista com Araguaia Notícia reforçando o pedido do prefeito Adilson Gonçalves de que a população ajude na cidade neste momento se protegendo evitando aglomerações, seguindo o protocolo de biossegurança, para que os números da pandemia possam ser freados. Existe o risco de lockdown se os números da Covid não pararem. 

Com este óbito de sexta-feira, a cidade está com 180 vítimas da pandemia, sendo 172 não-indígenas e 28 indígenas. No momento, a cidade está com 22 pacientes sendo 14 na UTI do MedBarra e 8 na UTI Covid do Pronto Socorro. O número de casos é de 5.403 casos desde que começou a pandemia. A taxa de recuperação continua alta é 91,5% com 4.945 recuperados.




 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.2%
24.5%
1.4%