25/03/2021 às 09h39min - Atualizada em 25/03/2021 às 09h39min

Filho de sargento é assassinado a tiros sete meses após execução do pai

Olhar Direto
Araguaia Notícia
Noel Marques da Silva Júnior, idade não informada, foi morto na noite desta quarta-feira (24), próximo a cervejaria Ambev, em Cuiabá. Ele é filho do sargento aposentado da policial militar, Noel Marques da Silva, de 52 anos, assassinado em agosto do ano passado. Testemunhas reconheceram o criminoso que teria sido apontado como o responsável pelo homicídio do pai, também como o autor deste crime.

Segundo as informações iniciais da Polícia Militar, Noel Júnior estava com sua mãe quando o criminoso entrou na casa e atirou contra a vítima. A mãe dele estava na casa e reconheceu Cleyton Cosme de Figueiredo Almeida, conhecido como Cleytão, como autor dos disparos.

Conforme apuração da reportagem, Cleytão seria também o responsável por assassinar o pai de Noel, que era policial militar aposentado, em agosto do ano passado. Porém, como não havia nenhum mandado contra ele, o homem continuava livre.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas apenas constatou o óbito de Noel Júnior. 

Há informações, ainda não confirmadas, de que outra pessoa poderia ter sido atingida. A Polícia Militar faz rondas na procura do suspeito, que teria uma tatuagem no braço (escrito "C" "J") e tatuagens tribais em uma das coxas.

O caso é investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.3%
24.4%
1.4%