22/03/2021 às 15h37min - Atualizada em 22/03/2021 às 15h37min

Bombeiros de Barra do Garças aguardam resposta da Justiça se podem vacinar antes, explica secretário

A prefeitura enviou consulta ao MPF de Barra do Garças para verificar se pode antecipar a vacinação de bombeiros

Araguaia Notícia
Bombeiros militares e socorristas do Samu no Brasil já solicitaram que sejam colocados nos grupos de risco da saúde pois serem logo vacinados contra a Covid. Em Barra do Garças esse pedido chegou ao conhecimento do prefeito Adilson Gonçalves e o secretário de Saúde, Adilson Tavares.

Eles solicitaram um parecer do Ministério Público Federal se há possibilidade dessa antecipação na vacinação. Vale ressaltar que no plano nacional de vacinação estes profissionais não aparecem nos grupos prioritários.

Segundo o secretário Adilson Tavares, uma consulta foi enviada ao MPF para verificar se tem como fazer esse atendimento no caso dos bombeiros na cidade. Bombeiros e socorristas normalmente estão na linha de frente carregando pacientes e pessoas supostamente infectadas com o vírus e existe realmente o risco mencionado.

Essa situação só deve se resolver também com aquisição de mais vacinas por parte do governo brasileiro. Na semana passada o Brasil adquiriu um lote de 138 milhões de vacinas de um consórcio mundial de vacinas que está comprando direto da Coréia. A expectativa é aumentar a velocidade da vacinação no país.



 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.1%
24.5%
1.4%