18/02/2014 às 15h20min - Atualizada em 18/02/2014 às 15h20min

Secretaria de Pesca irá implantar projeto de Piscicultura nas aldeias indígenas São Marcos e melhorar a qualidade de vida dos índios

Secon BG
Secon BG

Na semana passada a prefeitura de Barra do Garças por meio da Secretaria de Pesca e Aquicultura em parceria com a FUNAI fizeram uma visita as aldeias indígenas da reserva São Marcos no intuito de formalizar a integração das aldeias no projeto de sustentabilidade indígena de pescado.
       O projeto que visa melhorar a alimentação da comunidade indígena irá atender todas as aldeias do município diminuindo a mortalidade infantil e proporcionando maior qualidade de vida aos índios.
       De acordo com o secretário de Pesca e Aquicultura Eduardo Manciolli “o projeto tem a intenção de aumentar o índice per capta de pescado atual das aldeias que é de 3 kg por habitante ao ano para 35 kg”. “Esse aumento beneficiará 3 mil índios na região”. Concluiu.
       O prefeito Roberto Farias disse estar otimista com a implantação do projeto que será o primeiro de subsistência indígena no Brasil. “Estamos preocupados com a desnutrição e a mortalidade infantil nas aldeias e o projeto visa levar proteína, principalmente para as gestantes, idosos, mulheres em lactação e crianças, garantindo uma alimentação adequada e de qualidade”.
O projeto é uma Parceria entre a Prefeitura de Barra do Garças, INDEIA, EMPAER, SEMA, FUNAI, IFMT, UNIVAR, Banco do Brasil e UNOPAR que não mediram esforços e colaboram integralmente para sua implantação.
 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.2%
24.4%
1.4%