14/03/2021 às 18h20min - Atualizada em 14/03/2021 às 18h20min

Dois policiais civis morrem vítimas do coronavírus em MT; PJC destaca dedicação

Ambos os policiais tinham mais de 20 anos dedicados à instituição

Araguaia Notícia
O investigador, natural de Cáceres, estava há 20 anos na Polícia Civil e atuou durante toda sua carreira na Delegacia de Pontes e Lacerda.

O policial civil foi hospitalizado em meados de fevereiro e no final da noite de sábado não resistiu à doença. Antes de ser diagnosticado com covid, ele estava em tratamento de diabetes.

Para a delegada de  Pontes e Lacerda, Bruna Caroline Laet, Odiney representou o espírito do servidor que sempre busca o melhor na missão de servir à sociedade. “Foi um policial comprometido com a sociedade, que exerceu a função com dedicação e mesmo de longe nos auxiliava”.

Odiney será sepultado em Pontes e Lacerda, cidade onde estão seus familiares, amigos e colegas de trabalho.

A todos que acompanharam a carreira do investigador e partilharam de sua convivência, amizade e dedicação, a Polícia Civil externa pesar e condolências pela morte de Odiney Assunção.  

Esta é a segunda perda em menos de dois dias para a instituição. Na sexta-feira, a Polícia Civil perdeu o investigador Marco Aurélio Almeida, 43 anos, da Delegacia Regional de Alta Floresta, que também dedicou 20 anos à instituição que abraçou com garra e compromisso.

COVID EM MT

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste sábado (13), 271.765 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 6.330 mortes em decorrência do coronavírus no Estado. Mais 47 mortes foram notificadas nas últimas 24 horas bem como outras 553 novas confirmações de casos de coronavírus.

Com informações da PJC-MT


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.3%
24.4%
1.4%