Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
Araguaia Notícia  Publicidade 728x90
18/02/2021 às 17h18min - Atualizada em 18/02/2021 às 17h18min

Acusado de estuprar, matar e atear fogo no corpo de mulher é identificado e preso

Olhar Direto
Araguaia Notícia
A Polícia Civil identificou e prendeu na última terça-feira (16) um homem de 32 anos acusado de estuprar e matar uma mulher, no bairro Parque Universitário, em Rondonópolis (279 km de Cuiabá). A vítima ainda não identificada foi encontrada despida e com marcas de queimadura por todo o corpo. Em depoimento o acusado afirmou que utilizou um pedaço de madeira e uma lixadeira para matar a mulher.

Apresentando sinais de frieza durante o depoimento, o acusado disse que se preocupou com as possíveis marcas de DNA deixadas no corpo da vítima, e por isso comprou uma garrafa de álcool e ateou fogo no corpo da mulher já morta. Questionado sobre a motivação do crime, o homem afirmou que agiu depois de receber um tapa em seu rosto. 

Toda a ação aconteceu em uma casa que está em obras no mesmo bairro onde o suspeito trabalha. Ao ser indagado sobre violência sexual, o homem disse que não se recorda de ter cometido o abuso, entretanto a versão do acusado não convence a Justiça, que já solicitou coleta de material biológico para a realização de exame pericial. 

Na casa do homem ainda foram apreendidas as roupas que ele vestiu no dia do crime e um aparelho celular. O inquérito segue em andamento para reunir outras informações necessárias ao esclarecimento dos fatos. 

Após a formalização da prisão, o acusado foi encaminhado para a Penitenciária Major Eldo Sá Corrêa, e deve ser indiciado por estupro e homicídio triplamente qualificado (feminicídio e com emprego de meio cruel e para garantir ocultação de crime). 

Esta não é a primeira vez que o homem é detido acusado de esturpo. Em 2014 foi preso em flagrante pelo crime cometido no mesmo bairro onde mora e trabalha, contra uma mulher de 43 anos. Outras passagens pelos crimes de roubo, tentativa de furto e tráfico de drogas também foram encontradas na ficha criminal do homem. 

Araguaia Notícia  Publicidade 790x90


Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI)
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90