Araguaia Notícia  Publicidade 1200x90
Araguaia Notícia  Publicidade 728x90
03/02/2021 às 09h15min - Atualizada em 03/02/2021 às 09h15min

Menor baleado durante tentativa de roubo a policial da Força Tática não resiste e morre

O menor G faleceu no hospital e o comparsa dele K está sendo operado. Ambos tentaram roubar a moto de um policial da Força Tática durante a madrugada de quarta-feira

Araguaia Notícia


Foi confirmada agora pouco a morte do menor G.G.V, de 16 anos, que participou da tentativa de roubo a um policial da Força Tática na cidade de Barra do Garças-MT, na madrugada de quarta-feira (3/2). Segundo informações, o segundo menor K de 17 anos está passando por uma cirurgia.

A polícia informou que os menores tinham passagens pela polícia sendo que o que faleceu tinha uma ocorrência de roubo enquanto que outro um boletim de ameaça. A polícia acredita que ambos foram a casa do policial porque viram a moto dele na frente da casa e tentaram roubá-la provavelmente a mando de dois comparsas que fugiram na sequência.

A tentativa de roubo 

Por volta das duas horas da madrugada de quarta-feira (3/2), dois menores de 16 e 17 anos foram baleados durante tentativa de roubo contra um policial da Força Tática de Barra do Garças. Esse fato aconteceu no bairro Santo Antônio. Segundo informações do militar que foi vítima ele estava em casa neste horário jogando videogame quando alguém bateu na sua porta pedindo um copo de água.

O policial decidiu dar o corpo de água e neste momento um dos menores tentou render o policial e portava um simulacro e neste momento o integrante da Força Tática reagiu atirando contra os suspeitos. Um terceiro elemento acabou fugindo e segundo relato de um dos menores, havia um quarto elemento que estaria num carro e que a tentativa deles era roubar uma moto de 300 cilindradas do policial que estava na calçada em frente à casa.

Após os disparos, o policial pediu reforço via 190 e acionou o Corpo de Bombeiros para levar os feridos ao Pronto Socorro. Os menores estão passando por cirurgia e parece que a situação é grave de um dos elementos.
Trata-se de inquérito policial porque militantes como suspeitos que abordaram o policial militar.
Entre no grupo do Araguaia Notícia no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI)
Notícias Relacionadas »
Comentários »