07/01/2021 às 10h53min - Atualizada em 07/01/2021 às 10h53min

Jovem grávida que teve AVC ao tomar conhecimento da morte do pai não resiste e morre

Marciele ficou internada doze dias mas não resistiu. Ela passou mal ao saber da morte do pai, profesor Lauro Feldmann, de família tradicional de Água Boa

Araguaia Notícia
Uma história com desfecho trágico na cidade de Água Boa-MT, na região do Vale do Aralguaia. A jovem Marciele Feldmann, que estava gestante e teve um AVC ao tomar conhecimento da morte do pai, o professor Lauro Feldmann, não resistiu e faleceu, na madrugada de quinta-feira, dia 07/01. Ela estava hospitalizada desde o dia do AVC no dia 25/12 no hospital regional de Água Boa. 

O Acidente Vascular Cerebral (AVC) ocorreu quando Marciele recebeu a notícia do falecimento do pai. Chocada com a notícia e ainda grávida de quase 9 meses, Marciele entrou em serviço de parto cesária.

O bebê Bernardo nasceu com insuficiência respiratória e também teve que ser transferido para a UTI em Sorriso, de onde recebeu alta dia primeiro de janeiro de 2.021.

Segundo Luiza Babette Dürr Teixeira, amiga da família, o AVC hemorrágico de grande extensão levou ao coma e consequente morte da jovem mãe. Ela é filha de Lauro Feldmann e de Nilve Müller Feldmann, deixa dois filhos: Pedro Augusto, adolescente, e o pequeno Bernardo Augusto.

O velório e o sepultamento serão realizados em Água Boa.

O falecimento do professor Lauro, pioneiro na educação, ocorrido dia 25/12/2020 deixou a comunidade consternada, porém, o AVC e a morte de Marciele, realmente chocaram a sociedade. Somente o nascimento de Bernardo e sua saúde reestabelecida minimizam essa dor. Família tradicional e querida perde duas pessoas em poucos dias. Babette destacou que essa é a hora de a sociedade abraçar essa família que passa por momentos de profunda dor e tristeza.

BEBÊ BERNARDO : O bebê órfão de mãe está aos cuidados da avó Nilve, e de Luana, irmã da Marciele.

CAMPANHA: A Família Feldmann enfrenta o segundo sepultamento em poucos dias.  O sepultamento de hoje envolve o translado do corpo de Cuiabá para Água Boa (o que faz os custos aumentarem).
A Comunidade Luterana iniciou uma campanha para ajudar financeiramente. Quem desejar ajudar a Família pode fazer depósito/transferência para a seguinte conta:

Banco do Brasil
Agencia: 1317-X
Conta Corrente: 5643-X
Nilve M. M. Feldmann

Fonte: Notícias Interativa 


Notícias Relacionadas »
Comentários »