31/12/2020 às 12h04min - Atualizada em 31/12/2020 às 12h04min

Professor que atuou em Barra do Garças é mais uma vítima da Covid em MT

Esposa deixa mensagem com o "coração cheio de dor"

Araguaia Notícia
O advogado Plínio Gonçalves não resistiu e veio a falecer, na quarta (30), devido a Covid-19 (a doença causada pelo coronavírus). Ele foi professor por vários anos em Barra do Garças, onde atuou na escola Gaspar Dutra, Madre Marta e no Univar( Centro Universitário). A pedagoga Hilda Sturmer, esposa do jurista com que passou 42 anos casados, escreveu no Facebook que a casa está vazia e "meu coração cheio de dor". Informação também foi confirmada pela assessoria de imprensa da Ordem dos Advogados de Mato Grosso (OAB-MT).

A esposa lembra os mais de 40 anos de "campanherismo, amor, dedicação e cuidado com nossa família, sempre cuidando de todos e principalmente preocupado comigo". "Me proporcionou momentos de alegria, paz e sem cobrar nada me amou. A família era sua riqueza e nós finais de semana o que mais gostava era fazer churrasco gaúcho e chamar os filhos e netos. Adorava receber os amigos para comemorar a vida. Nada mais será como antes, sua ausência a cada dia vai.me deixar com mais dor, tudo aqui lembra você meu amado", escreve.

Além de advogado, Plínio também foi professor. Chegou a trabalhar na Secretaria de Estado de Educação.  Amigos e parentes lamentam a perda nas redes sociais. "Tive o prazer de conhecê-lo (...) descanse em paz na casa do senhor", escreveu uma conhecida em um dos comentários.

Outros reafirmaram que a perda triste de Plínio, um "ser humano de bem" e "amigo de todos". Ainda não há informações sobre enterro. Até esta quarta (30), a Covid-19 fez mais de 1170 vítimas na Capital, segundo dados da prefeitura.

No início da manhã deste sábado (31), a OAB-MT emitiu nota.

É com muito pesar que a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso (OAB-MT) comunica o falecimento do advogado Plínio Gonçalves.

Plínio, que também era professor e colaborador da Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT), faleceu nesta quarta-feira, em Cuiabá, em decorrência da Covid-19.

Representando a advocacia mato-grossense, a diretoria da OAB-MT lamenta profundamente a sua partida e manifesta solidariedade a todos os familiares e amigos de Plínio.

O advogado deixa esposa e filhos.

Fonte: Allan Pereira / RDNews


 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
5.5%
17.6%
75.2%