27/12/2020 às 20h14min - Atualizada em 27/12/2020 às 20h14min

VEJA VÍDEOS do resgate do menino de 2 anos que estava desaparecido; bombeiro chora de emoção

Araguaia Notícia


O menino Heitor Maciel dos Santos, de apenas 2 anos, que havia desaparecido na quinta-feira (24/12), em uma chácara na zona rural do município de Lucas do Rio Verde (360 quilômetros de Cuiabá), foi encontrado por volta das 16h neste domingo (27) pelo Corpo de Bombeiros. O menino está bem, apenas com algmas escoriações e queimaduras provocadas devido aos longos caminhos que percorreu por todos esses dias. 

Segundo o Corpo de Bombeiros, uma pessoa teria ligado para o quartel dizendo que o garoto estava no antigo lixão da cidade. Ao chegarem no local, encontraram o menino sozinho.

Este mesmo local, segundo os bombeiros, teria sido vasculhado mais cedo por cães farejadores, o que aumenta ainda mais sobre o mistério do caso. 

Um dos bombeiros que participava da operação, Sargento Domingos, informou na porta do hospital para onde Heitor foi levado, que o garoto está bem.

Ele ressaltou que não está descartada a hipótese dele ter sido sequestrado e abandonado neste aterro sanitário. "Só hoje passamos lá três vezes, com dois cães, e não vimos nem rastro dele lá. Mas pode ser que ele andou esses dias e chegou lá, ou que tenha sido raptado e, diante da repercussão, essa pessoa abandonou ele lá", colocou.

O sargento se emociona e fala também sobre a possibilidade dele ter ficado todos esses dias andando sozinhos por regiões de mata passando fome e frio. "A gente é pai né. Abri mão da minha folga para ajudar nas buscas e hoje encontramos ele bem".

Centanas de pessoas foram para a frente do hospital onde o menino está recebendo atendimento para saber mais sobre o estado de saúde da criança. O desaparecimento misterioso do garoto havia chocado a cidade. 




Fonte: Fernanda Renatá / Folhamax 

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
5.5%
17.6%
75.2%