25/12/2020 às 11h46min - Atualizada em 25/12/2020 às 11h46min

Sobrinha de prefeito da região do Araguaia é encontrada morta em apartamento do ex-namorado nos EUA

De acordo com informações, a polícia americana também localizou o corpo do ex-namorado de Lidia no local

Araguaia Notícia


A goiana Lídia Lúcia Ferreira Borges, de 28 anos, sobrinha do prefeito reeleito de Vila Rica, Abmael Borges foi encontrada morta no apartamento do ex-namorado, na cidade de São Francisco, no estado da Califórnia nos Estados Unidos.

Em conversa com nossa reportagem, o prefeito de Vila Rica, confirmou o fato e lamentou a morte da jovem, dizendo que ela era uma menina muito simpática e cheia de sonhos, o prefeito relatou que ela sempre visitava a família em Vila Rica, já que seu pai, o pecuarista João Borges é morador de Vila Rica, e muito conhecido na região Norte Araguaia.

De acordo com informações, a polícia americana também localizou o corpo do ex-namorado de Lidia no local, e relatou no boletim de ocorrência que a principio ele pode ter matado a jovem e se matado em seguida.

A família de Lidia é natural de Edéia, a 120 km de Goiânia, mas reside em Caldas Novas, no sul do estado, há mais de 20 anos. Lídia se mudou para São Francisco, no estado da Califórnia, há dois anos e meio e trabalhava com limpeza de residências por aplicativo.

De acordo com informações do portal G1, uma amiga que morava com a jovem há um ano e preferiu não ser identificada relatou que ela saiu para trabalhar e não voltou. Preocupada, chamou a polícia e passou informações sobre o trabalho que foi fazer. Em buscas pela cidade, os policiais encontraram o carro da goiana estacionado em frente ao prédio onde o ex-namorado morava.

Segundo a amiga, o brasileiro que Lídia namorou aparentava ser uma pessoa tranquila, segundo a amiga que o conheceu pessoalmente. Porém, de acordo com a colega, quando a goiana terminou o relacionamento, há sete meses, o homem, que não teve a identidade divulgada, começou a persegui-la e ligar insistindo para reatar o namoro.

A amiga acredita que o homem abordou Lídia em algum ponto da cidade e a levou para o apartamento dele, onde ocorreu o crime. A polícia de São Francisco continua a investigar o caso, segundo a mulher.

"Ele ficou obcecado por ela. Mas, em nenhum momento, demonstrou agressividade e não fez ameaças contra ela. Mesmo assim, nós a aconselhamos a prestar queixa contra ele, por causa das perseguições. Ela achou que não precisava no momento", conta.

De acordo com informações do prefeito Abmael Borges, a família de Lidia esta viabilizando a documentação necessária para fazer o traslado do corpo para Caldas Novas, onde a família quer fazer o sepultamento do corpo da jovem.

FONTE: Evandro Carlos com G1 / Rádio Eldorado


Goiana Lídia Lúcia, de 28 anos, é encontrada morta no apartamento do ex-namorado nos EUA — Foto: Leidianne Ferreira/Arquivo Pessoal

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
5.5%
17.7%
75.2%