08/12/2020 às 15h41min - Atualizada em 08/12/2020 às 15h41min

Morre pecuarista especialista em gado nelore dos anos 70 em Barra do Garças

Araguaia Notícia


A Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), divulgou uma nota de pesar lamentando o falecimento de Carlos Seara Muradas, nome importante na seleção da raça nelore. Carlos Muradas tinha 89 anos e morreu na tarde de segunda-feira, dia 7/12.

Associado a ABCZ desde 2006, Carlos era considerado um dos grandes nomes da pecuária nacional, em especial a raça Nelore e acompanhou de perto as transformações que o agronegócio sofreu nas últimas cinco décadas.

Filho de pais espanhóis, começou a carreira no ramo metalúrgico, e em 1967 adquiriu mais de 135 mil hectares de terras em Rondônia. Em 1970 comprou três fazendas no município de Barra do Garças (MT). O gado Nelore entrou na vida do selecionador como parte do acervo das fazendas de Barra do Garças. Logo, a compra de novilhas e touros Nelore passaram a ser rotina para povoar as novas terras adquiridas no estado do Mato Grosso do Sul.

À frente da Jatobá Agropecuária, Carlos Muradas reafirmou a superioridade genética de seu rebanho e conquistou vários prêmios em pistas de julgamento do país inteiro. Pela contribuição à evolução do Zebu, em 2019 foi homenageado com o Mérito ABCZ.

“O agronegócio brasileiro perde um de seus grandes entusiastas e apoiadores. Carlos Muradas se dedicou como poucos para o sucesso do nosso campo, deixando sua contribuição imensurável para o crescimento genético da raça Nelore. Nossa gratidão e reconhecimento pelo trabalho prestado. À família e aos amigos, nossos sentimentos de pesar pela perda grande”, lamenta Rivaldo Machado Borges Júnior, presidente da ABCZ.

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
5.5%
17.6%
75.2%