07/12/2020 às 15h39min - Atualizada em 07/12/2020 às 15h39min

Polícia Civil esclarece homicídio em assentamento no Araguaia e prende autor em flagrante

Araguaia Notícia + PJC/MT
Vítima foi morta com um tiro de espingarda. Crime teve motivação fútil


Um homicídio ocorrido nesta semana no município de Santa Terezinha (1.312 km a nordeste de Cuiabá) foi esclarecido e o autor do crime preso em flagrante. O homem de 45 anos foi autuado por homicídio qualificado e teve a prisão em flagrante convertida em preventiva pela Justiça.

André Rodrigues Alves, 45 anos, foi morto com um tiro de espingarda no dia 02 de dezembro enquanto campeava pelo pasto do sítio, a cavalo, em um assentamento no município de Santa Terezinha.

O autor do crime foi localizado na quinta-feira (03.12) no município de Santana do Araguaia, na divisa de Mato Grosso com o Pará.

De acordo com o delegado José Ramon Leite, o crime ocorreu por motivo fútil. O suspeito e a vítima tiveram uma desavença por conta de uma cerca na divisa das propriedades.

Na manhã em que ocorreu o crime, a vítima saiu de casa a cavalo e com demorou a retornar, a esposa foi procura-lo e encontrou o corpo de André caído em meio ao pasto, alvejado com um tiro.

Assim que foi acionada, a equipe da Delegacia da Polícia Civil de Santa Terezinha foi ao local do crime, coletou informações e iniciou as diligências para localização do suspeito. Em buscas na casa do suspeito foram encontradas duas espingardas calibres 20 e 32 e munições.

Com apoio da Delegacia de Vila Rica e da Polícia Militar e também da Polícia Civil de Santa do Araguaia, o autor do homicídio foi localizado no município paraense, preso em flagrante e conduzido para Mato Grosso.

Ele foi interrogado pelo delegado José Ramon, que representou pela conversão da prisão em flagrante por prisão preventiva, sendo depois encaminhado à unidade prisional de Vila Rica.

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
5.5%
17.6%
75.2%