04/12/2020 às 08h58min - Atualizada em 04/12/2020 às 08h58min

Denúncia de veículos do Dsei Xavante sem combustível é rebatida por coordenação de Barra do Garças

A coordenação diz que não procede essa informação, todavia há comentários de que veículos estão parados sem combustível e funcionários ficaram em aldeias sem locomoção

Bruna Priscila - Araguaia Noticia
Araguaia Noticia
A equipe do site Araguaia Noticia recebeu a informação de que o distrito Dsei Xavante, responsável pela saúde indígena na região de Barra do Garças-MT, estaria com dificuldade de abastecimento dos veículos e que alguns estariam até mesmo parados por falta de combustível. A reportagem do site entrou em contato com o coordenador do Dsei Xavante, o militar reformado do Exército, Gildo Henrique de Azeredo, para saber se procede essa denúncia que surgiu após áudios e mensagens nas redes sociais.

Gildo rebateu dizendo que a denúncia não procede e que teria um problema sobre a empresa que faz abastecimento dos veículos mas estaria sendo solucionado e segundo ele sem prejuízo para o funcionamento do distrito. A nova empresa de abastecimento ja teria sido contratada e que já chegou o novo cartão, logo as atividades retornarão a normalidade. 
 
Denuncia:
 
Segundo denunciante,O Dsei Xavante está com todos os veículos parados devido à falta de combustível e as equipes que já cumpriram a escala de trabalho foram orientadas a permanecer na aldeia por tempo indeterminado até que a situação se normalize.

E os outros profissionais que iriam entrar nas aldeias estão impossibilitados de entrar.

Os agendamentos de consultas e exames estão suspensos, e caso os veículos fossem para a cidade não poderiam retornar para a aldeia. 
A coordenação do Dsei Xavante alega fim do contrato da empresa do cartão de combustível e que ainda não há contrato firmado com uma nova empresa.

Já o coordenador diz que a informação não procede, pois já tem contrato firmado com outra empresa e data para retorno das atividades.
 
Confira a mensagem enviada no grupo de whatsapp dos profissionais:
 

“Em virtude do enfrentamento de alguns percalços com a transição para a nova empresa de abastecimento dos veículos orientamos a todos os responsáveis de polos, chefes de CASAI, coordenadores de equipes multidisciplinares e chefes dos serviços da sede deste DSEI, que realizem atendimentos somente emergenciais, ficando as demais atividades adiadas até que essa condição seja normalizada.”
 
“Atenção! Devido à falta de combustível, solicitamos que os profissionais que se encontram em área, com a previsão de saída para essa semana, permaneçam em área até que a situação normalize e seja possível a troca de profissionais.

Os dias a mais trabalhados serão reajustados na escala. Agradecemos a atenção de todos e reforçamos que os veículos devem ser utilizados apenas em caso de urgência/emergência.”

 Fala do Coordenador

Segundo o coordenador, não há falta de combustivel, e sim de que estão atendendo apenas emergência, como foi repassado nas mensagens via 'Whatsaap para os profissionais.
 
Foi firmado contrato com a nova empresa dia 01/12, e provavelmente na sexta-feira (04/12) o órgão vai retomar as atividades normais.

O coordenador diz que está trabalhando incansavelmente e que não precisa de alarmes pois a situação já está praticamente normalizada e os novos cartões já chegaram. 

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
5.5%
17.7%
75.2%