23/10/2020 às 09h44min - Atualizada em 23/10/2020 às 09h44min

PMs ajudam grávida em parto dentro de carro que ficou preso em engarrafamento durante forte chuva

No caminho para o hospital, a recém-nascida ainda engasgou e precisou novamente da ajuda dos policiais. Apesar das 'fortes emoções', mãe e filha foram internadas e passam bem.

G1 GO
ARAGUAIA NOTÍCIA
Em meio a uma chuva forte e um engarrafamento, em Goiânia, foi que Maria Valentina nasceu, na noite de quinta-feira (22), em Goiânia. Andreia da Silva Borges, de 24 anos, deu à luz dentro do carro com ajuda de policiais militares (assista acima) e, a caminho do hospital, a recém nascida ainda engasgou, precisando novamente da ajuda dos PMs.

Pai do bebê, o garçom Vandionei Bernardini, de 28 anos, resumiu a noite: “Muita emoção”.

Ele contou que saíram de casa por volta das 18h30, quando Andreia entrou em trabalho de parto. No caminho para o hospital, eles tiveram de enfrentar chuva e engarrafamento. No entanto, Maria Valentina não quis esperar: nasceu às 19h10 dentro do carro mesmo, chegando na Avenida T-9.

Quando percebeu que o parto aconteceria antes de chegarem à unidade de saúde, Vandionei procurou por ajuda.

“Eles [policiais militares] passaram por nós e eu fiz sinal para eles pararem. Foram enviados por Deus”, contou o pai.
O capitão Fernando Machado foi um dos policiais que ajudou no parto. Em seguida, ele esterilizou o canivete e cortou o cordão umbilical.


"Graças a Deus ela chorou e estava bem de saúde. [...] Eu que sou pai, é muito gratificante poder ajudar o casal, é uma situação inusitada, mas graças a Deus deu tudo certo", disse o PM.

Depois de acomodar mãe e filha no banco de trás, os PMs voltaram para a viatura e escoltaram o carro da família até o hospital.

No entanto, no meio do caminho, Maria Valentina parou de chorar e os pais perceberam que ela estava engasgando. “Tivemos que parar novamente e um dos PMs foi até o carro e desengasgou ela”, explicou Vandionei, aliviado.

Depois das fortes emoções, eles continuaram a viagem até o hospital onde mãe e filha foram recebidas com os cuidados necessários, segundo o pai. Passaram a noite lá e, na manhã desta sexta-feira (23), “estão todos bem”, garantiu Vandionei.

"Agora só felicidade daqui para frente. Só cuidar muito bem da minha princesa", concluiu

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.9%
5.2%
19.7%
73.2%