15/10/2020 às 20h22min - Atualizada em 15/10/2020 às 20h22min

MP desiste de impugnação e Justiça defere registro de coligação encabeçada por Euclides

Arthur Santos da Silva/ Olhar Direto
ARAGUAIA NOTÍCIA
Juiz-membro do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT), Fábio Henrique Fiorenza deferiu requerimento da coligação Avança Mato Grosso para participar da eleição suplementar ao Senado. O grupo é encabeçada pelo candidato Euclides Ribeiro (Avante).  O registro da coligação chegou a ser alvo de ação de impugnação por parte do Ministério Público.

O Ministério Público propôs ação de impugnação de registro de candidatura em face da coligação levando em conta supostas omissões nas convenções dos partidos.  Em momento posterior, segundo o próprio MP, forram devidamente sanadas as irregularidades apontadas na impugnação.
 
“Os partidos que a compõem estão em situação regular e se reuniram em convenção no prazo legal, escolhendo seus candidatos e representantes”, afirmou o Ministério Público em manifestação que desistiu da ação de impugnação.
 
Fazem parte da chapa de Euclides os candidatos Francileide Fontinelle (1ª suplente) e Ernando Cardoso (2º suplente). Além do deferimento do registro da coligação, também foi deferido o registro individual de Euclides.

Decisão que deferiu o registro da coligação é desta terça-feira (13).
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.7%
4.7%
20.3%
73.3%