15/10/2020 às 17h28min - Atualizada em 15/10/2020 às 17h28min

O site Governo do Brasil, abre inscrições para professores em cursos sobre uso de ferramentas digitais

No mês de homenagens aos mestres educadores, capacitações gratuitas são ofertadas a professores da educação básica e alunos de licenciatura na produção de vídeoaulas

Governo do Brasil
Governo do Brasil
Estão abertas as inscrições para 300 mil vagas em cinco novos cursos gratuitos, on-line, para professores e estudantes de licenciatura em todo o país. A iniciativa, em homenagem ao Dia do Professor, é uma das estratégias do Ministério da Educação (MEC), por meio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), para enfrentar o impacto do isolamento social gerado pela crise da Covid-19 na área da educação.
O objetivo é preparar os profissionais para o uso de ferramentas on-line em sala de aula ou no formato de aulas remotas. Durante os cursos, os atuais e futuros professores aprenderão a produzir seus próprios materiais audiovisuais e a aperfeiçoar suas práticas de aprendizagem.


Organizados para serem feitos a partir de novembro de 2020 e durante 2021, os cursos têm carga horária diferenciada e buscam atender às necessidades específicas de cada interessado.
 
O investimento na formação continuada de professores faz parte da diretriz da Capes em buscar a valorização e a formação de professores da educação básica. “A pandemia de Covid-19 afetou a maioria das instituições de educação do país, levando os professores a adaptar as aulas presenciais para a modalidade virtual. Essa capacitação não será apenas pensando no atual momento que vivemos. As aulas on-line são uma realidade com ou sem pandemia. Temos que investir no desenvolvimento de conteúdos”, afirmou o ministro da Educação, Milton Ribeiro.
As inscrições estão abertas durante os próximos 30 dias corridos, a contar de 15 de outubro, ou até o esgotamento das vagas clicando aqui.
 
Com informações do Ministério da Educação
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.8%
5.0%
20.0%
73.2%