01/10/2020 às 11h14min - Atualizada em 01/10/2020 às 11h14min

Promotor de Justiça morre aos 80 anos em Barra do Garças

ARAGUAIA NOTÍCIA


Faleceu na quinta-feira (01/10) o promotor aposentado Uilton Lopes de Sousa, de 80 anos. Ele estava internado no hospital MedBarra em decorrência de uma infecção urinária e complicações de diabetes. Wilton atuou no início da carreira na comarca de Barra do Garças quando o estado de Mato Grosso era unificado e por várias vezes atendeu diligencias nas cidades de Jardim e Fátima do Sul que ficam hoje em Mato Grosso do Sul.

A morte do promotor foi confirmada ao site Araguaia Notícia pelo filho dele, o empresário Wellington Flores.  
Wilton nasceu na cidade de Guiratinga-MT e era casado com a saudosa professora Waldiza Flores Lopes (nome homenageado na escola do bairro Jardim Palmares), que é filha do pioneiro já falecido Valdomiro Flores cujo nome também foi homenageado num posto de saúde de Barra do Garças.

O pai do promotor Wilton, Uadi Câmara Lopes, que também foi pioneiro na cidade atuou como garimpeiro, comprador de diamantes e foi proprietário da primeira sorveteria de Barra do Garças.

O corpo do promotor está sendo velado na casa mortuária e o sepultamento está previsto para às 17 horas de quinta-feira no cemitério central. Ficam aqui as condolências do site Araguaia Notícia a toda família enlutada e que Deus possa consolá-los neste momento tão difícil.

“Barra do Garças amanhece de luto. Promotor de justiça, Dr. Uilton Lopes Souza deixa um legado para a história do Ministério Público de Barra do Garças por sua atuação em defesa dos menos favorecidos, dos Direitos Humanos como um todo. Demonstrava amor pelo trabalho ministerial e pelo ideal de promoção da Justiça.


 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.5%
4.6%
20.0%
73.8%