16/09/2020 às 23h19min - Atualizada em 16/09/2020 às 23h19min

Vendedor da Castrillon foi uma das vítimas da Covid em Barra do Garças no feriado prolongado

Apesar dos números estarem desacelerando, infelizmente três óbitos foram registrados no feriado de aniversário da cidade (de 11 a 16/9)

Araguaia Notícia
No feriado prolongado, a cidade de Barra do Garças registrou doze novos casos e infelizmente três óbitos no feriado prolongado de aniversário da cidade. Entre as vítimas, perdemos uma pessoa muito conhecida na cidade, o vendedor de peças da Castrillon, Sebastião Pereira da Silva de 59 anos.

Ele não tinha comorbidades e houve de fato o agravamento da enfermidade do coronavírus. Ele foi internado no dia 25/8 e faleceu por volta das 09h25 do dia 15/9. Sebastião era cristão e participava assiduamente das atividades da Igreja Assembleia de Deus ministério Madureira. Ele ocupava o cargo de vice-presidente do grupo de Gideões e participava da Associação dos Gideões Internacionais.

Natural de Piranhas-GO, nascido no dia 28.10.1960, Sebastião trabalhou no passado como bancário no Banco Bradesco de Nova Xavantina e foi gerente da Auto Peças Araguaia em Barra do Garças desde de 2000 e a partir de dezembro de 2017 passou atuar como vendedor da Castrillon.

Sebastião era casado há 40 anos com Ednamarcia Soares da Silva e deixou dois filhos e três netos. O vendedor foi sepultado no cemitério dos Ipês. A cidade de Barra do Garças teve mais duas mortes em decorrência da Covid.

O município está com 2.013 casos dos quais 1.597 curados e lamentavelmente com 99 mortes desde que começou a pandemia sendo 78 de não-indígenas e 21 indígenas.


Notícias Relacionadas »
Comentários »