31/08/2020 às 16h45min - Atualizada em 31/08/2020 às 16h45min

Homem e neta de 3 anos morrem baleados; esposa e filho ficam feridos

Gazeta Digital
ARAGUAIA NOTÍCIA


Quatro pessoas da mesma família foram baleadas no começo da tarde de domingo (30), em uma fazenda na região de Lucas do Rio Verde (354 km ao Norte de Cuiabá). Duas delas morreram, sendo, Eduardo Ferreira dos Santos, 45, e a neta dele, de 3 anos. Ela foi socorrida, mas não resistiu e sua morte foi confirmada na manhã desta segunda-feira (31). A esposa e o filho de Eduardo também foram baleados, mas não correm risco de morte.

De acordo com as informações da Polícia Civil de Lucas, o crime ocorreu por volta das 14h30. A família estava reunida em casa quando um veículo Gol bola, vermelho, se aproximou com 4 homens. Os suspeitos sacaram armas e passaram a atirar contra a família e fugiram em seguida.

Polícia foi acionada, mas quando chegou ao local, já encontrou Eduardo sem vida com um ferimento do abdômen. A esposa dele estava com um tiro na perna. Além disso, ela contou que o filho e a neta também – ele com ferimento na perna e a menina com um tiro na cabeça.

Mas, que diante da gravidade, foram para uma unidade de saúde por meios próprios, para socorrer a menina – que precisou ser transferida para Sorriso. Diante dos ferimentos, a menina não resistiu e acabou morrendo. A confirmação aconteceu na manhã desta segunda-feira (31).

A esposa de Eduardo contou que, assim que o veículo se aproximou, ouviu ele dizendo “agora vocês vieram aqui para atazanar minha família”. No hospital, o filho confirmou a versão da mãe.

Ele contou ainda que tentou atirar contra os suspeitos. Ao menos 3 armas foram apreendidas na propriedade, sendo um revólver e duas espingardas. Uma testemunha contou que um dia antes, Eduardo havia discutido com os passageiros do carro.

Ele recorda que o mesmo veículo estava dentro da propriedade da família, tentando pescar às margens do rio. Após o bate-boca, eles saíram do local.

Um celular foi encontrado na cena do crime, possivelmente de um dos atiradores. Polícia Civil busca por câmeras na região para tentar identificar o veículo e os suspeitos do crime. O caso segue sendo investigado.

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.4%
5.2%
18.2%
75.2%