31/08/2020 às 09h06min - Atualizada em 31/08/2020 às 09h06min

Subtenente da PM é morto com tiros na cabeça durante briga em distribuidora de bebidas

Três homens são suspeitos: dois deles seguraram e o terceiro atirou várias vezes na cabeça do policial.

G1 MT
ARAGUAIA NOTÍCIA
Um subtenente da Polícia Militar foi assassinado com tiros na cabeça na madrugada deste sábado (29) após uma briga em uma distribuidora de bebidas no bairro Pedra 90, em Cuiabá. Um suspeito foi preso.

Segundo a Polícia Militar, Everaldo Rodrigues Alves, de 46 anos, foi comprar bebidas junto com a mulher dele. Eles chegaram de carro e desceram juntos.

Na saída após a compra houve um desentendimento entre o militar e três homens que estavam no estabelecimento. Os suspeitos tomaram a arma dele e o mataram a tiros.

O crime ocorreu por volta de 2h. De acordo com a PM, a mulher de Everaldo afirmou que houve uma briga entre a vítima e os três suspeitos. Dois deles o seguraram e o terceiro atirou várias vezes na cabeça do policial.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado, mas o PM já havia morrido.

Os suspeitos fugiram em uma motocicleta e a pé, levando a arma do policial.

A Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) foi chamada.

Conforme a DHPP, os três homens teriam discutido com a mulher da vítima também momentos antes da confusão.

Ainda segundo informação, dos três suspeitos envolvidos, dois deles usavam tornozeleiras eletrônicas. A DHPP investiga o crime.

Um dos suspeitos foi preso, tem antecedente por roubo e usa tornozeleira eletrônica.

Em nota, a PM lamentou o ocorrido e informou que o subtenente trabalhou na região do Pedra 90 por mais de 20 anos e trabalhava no 24º batalhão da corporação, na capital.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.3%
5.4%
17.9%
75.4%