28/08/2020 às 18h05min - Atualizada em 28/08/2020 às 18h05min

Mulher tem morte cerebral após ser baleada pelo marido, que responde em liberdade

Olhar Direto
ARAGUAIA NOTÍCIA
Uma mulher identificada como Lusdaiara Pereira Lisboa, de 44 anos, teve morte cerebral decretada após ser baleada pelo marido, em Rondonópolis (a 216 quilômetros de Cuiabá). O homem, que não teve a identidade divulgada, responde em liberdade pela tentativa de feminicídio e a família da vítima protestou na frente do estabelecimento dele nesta quinta-feira (27).

Lusdaiara tinha um relacionamento de 12 anos com o homem e dois filhos, de 20 e 24 anos. Ela foi baleada na última segunda-feira (24), em um bar na Gleba Dom Bosco, durante uma discussão com o marido. 

Atualmente se encontra internada no Hospital Regional e teve morte cerebral decretada. Os médicos cumprem protocolo e só devem desligar os aparelhos se todos órgãos pararem de funcionar.

O marido se apresentou na Divisão de Homicídios da 2ª Delegacia da Polícia Civil nesta quinta-feira (27), onde foi ouvido e liberado. Apesar de ter assumido a autoria do disparo, ele responde em liberdade por tentativa de feminicídio e porte ilegal de arma de fogo.

O inquérito foi concluído e encaminhado à Justiça. (Com G1/MT)
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.4%
5.3%
18.0%
75.3%