14/08/2020 às 07h04min - Atualizada em 14/08/2020 às 07h04min

Empresa termina instalação de radares do DNIT em Barra do Garças que já podem validar multas a partir do dia 14/8

Os radares vão aplicar multas por velocidade acima de 40 km/h, fechamento dos cruzamentos da avenida Ministro João Alberto e parar veículos em cima das faixas de pedestres e nas transversais Carajás, Presidente Vargas, Bororos e Xv de Novembro

Araguaia Notícia


A empresa contratada para instalar os radares de controle velocidade ao longo da avenida Ministro João Alberto e na avenida Valdon Varjão já terminou o serviço de instalação e informou ao município de Barra do Garça que as multas já podem ser validadas pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) a partir de sexta-feira dia 14/8.

Todavia essa validação depende agora da decisão do DNIT se vai ser a partir de agora ou será dado um prazo de assimilação do novo serviço. São oito radares cujo objetivo é verificar a velocidade dos veículos de 40 km/hora na avenida Ministro João Alberto, mas como também nas transversais Carajás, Presidente Vargas, Bororos e Xv de novembro.

O motorista precisa ficar atento. Ele tem que respeitar a velocidade de 40 km/h também nas transversais caso contrário será autuado. Os radares vão controlar a velocidade, avanço no sinal vermelho, parada sobre a faixa de pedestres e fechamento dos cruzamentos que estão ocorrendo diariamente na avenida Ministro João Alberto pelo grande fluxo de veículos pesados.

Como Barra do Garças é cortada pelas BRs-070 e 158, o órgão mapeou sete pontos fixos de fiscalização eletrônica nas avenidas Ministro João Alberto e Valdon Varjão, sendo cinco Controladores Eletrônicos Misto (com avanço de sinal) e dois Redutores Eletrônicos de Velocidade (lombadas).

De acordo com o DNIT, os equipamentos eletrônicos de controle de tráfego fazem parte do Plano Nacional de Controle Eletrônico e tem como objetivo, além de reduzir o número de acidentes e mortes no trânsito, e conscientizar os condutores de veículos que trafegam pelas rodovias federais.

Um acordo judicial determina a implantação em decorrência dos acidentes.

Em Barra do Garças, os radares funcionarão 24 horas e evitarão o desrespeito às leis de trânsito no período noturno, com a maioria dos condutores de veículos não obedecendo o sinal vermelho e avançando, alguns, inclusive, com o registro de acidentes com vítimas fatais.

Os equipamentos estão sendo instalados pela Velsis Sistema de Tecnologia Viária S/A, que ficará responsável também pela operação e manutenção em casos de panes.





Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.4%
5.2%
18.2%
75.2%