22/11/2013 às 16h19min - Atualizada em 22/11/2013 às 16h19min

Três acusados de torturarem idosos são presos; menor de idade envolvido

Olhar Direto
Olhar Direto

A polícia agiu com rapidez e prendeu três dos quatro acusados de espancarem dois idosos, terça-feira (19), em Aragarças-GO, divisa com Barra do Garças. O crime chocou a região pela crueldade, pois os aposentados levaram vários chutes, murros e foram riscados com objeto pontiagudo e permaneceram por mais de quatro horas amarrados.

A polícia agiu com rapidez e prendeu três dos quatro acusados de espancarem dois idosos, terça-feira (19), em Aragarças-GO, divisa com Barra do Garças. O crime chocou a região pela crueldade, pois os aposentados levaram vários chutes, murros e foram riscados com objeto pontiagudo e permaneceram por mais de quatro horas amarrados.

Idosos são torturados por quatro horas por jovens que consumiam drogas

As vítimas Américo Estevão da Silva, 70 anos, e Marieta Borges Mariano, 67 anos, estão internados com graves ferimentos no hospital Getúlio Vargas.

Foram detidos os suspeitos Suelen, Juliano e o menor “L”, quarta-feira (20), num excelente trabalho das Polícias Militar e Civil. Na casa da mulher foram apreendidos uma espingarda, duas facas, dois canivetes e um simulacro de um revólver e a televisão subtraída na casa dos aposentados, num assentamento agrário próximo ao lixão de Aragarças.

O quarto envolvido, Ordeci Pereira dos Santos, 32 anos, conhecido como Bagaceira, está foragido. Segundo os demais suspeitos, a idéia de invadir a casa e praticar o assalto partiu do Bagaceira, que antes esteve na casa das vítimas verificando se eles estavam sozinhos ou não com a pretexto de colocar um aparelho celular para carregar.

Os acusados estavam atrás de dinheiro dos aposentados. Durante esse período, as vítimas foram obrigadas a fazer comida para os agressores, que ainda jogaram gasolina ameaçando atear fogo nos idosos.

Suelen confirmou que estava com os demais, mas alega que não agrediu os aposentados. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.3%
24.3%
1.4%