31/07/2020 às 09h54min - Atualizada em 31/07/2020 às 09h54min

Operação apreende máquinas em garimpo ilegal e prende cinco pessoas por crime ambiental em MT

No local foram encontrados três motores, sendo dois em funcionamento de uma draga de seis polegadas. Foi constatada a existência de um córrego, que passa ao lado do garimpo, um braço do rio Das Primas, cujas águas estavam sendo utilizadas para a garimpagem.

G1 MT
ARAGUAIA NOTÍCIA
Cinco homens foram detidos na tarde de quinta-feira (30) na zona rural de Apiacás, a 1.010 km ao norte de Cuiabá, durante uma ação da Polícia Civil e da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema) de combate a crimes ambientais na região. Eles trabalhavam em um garimpo ilegal.

Os suspeitos de 51, 52, 55, 58 e 65 anos foram autuados em flagrante por usurpação (produzir bens ou explorar matéria prima pertencente à União sem autorização legal) e por poluição (construir ou fazer funcionar, estabelecimentos, obras ou serviços potencialmente poluidores, sem licença).

O trabalho foi deflagrado em apoio à equipe da Sema para fiscalização de um garimpo situado em uma propriedade rural situada na estrada W3. Chegando às proximidades, as equipes avistaram uma escavadeira e barulho de motores em funcionamento.

Os policiais e fiscais foram recebidos por um homem que se apresentou com o proprietário do local e foi solicitado que o mesmo desligasse o motor que estava na beira do córrego e chamasse as outras pessoas que estavam garimpando dentro de uma escavação.

No local foram encontrados três motores, sendo dois em funcionamento de uma s draga de seis polegadas. Foi constatada a existência de um córrego, que passa ao lado do garimpo, um braço do rio Das Primas, cujas águas estavam sendo utilizadas para a garimpagem.

Também foi localizada uma máquina escavadeira, que não estava em funcionamento, porém, utilizada no garimpo. As equipes constataram quatro garimpeiros trabalhando dentro de um buraco.

As cinco pessoas foram conduzidas para a Delegacia de Apiacás. Todos os materiais utilizados no garimpo foram apreendidos pela Sema.

Os conduzidos foram interrogados e responderão pelos crimes de usurpação (produzir bens ou explorar matéria prima pertencente à União sem autorização legal) e por poluição (construir ou fazer funcionar, estabelecimentos, obras ou serviços potencialmente poluidores, sem licença).
Notícias Relacionadas »
Comentários »