28/07/2020 às 17h01min - Atualizada em 28/07/2020 às 17h01min

Mulher denuncia policial por quebrar o braço dela durante briga em conveniência de posto em MT

Jovem disse que policial a agrediu depois dela brigar com a amiga dele, que estava a importunando em um bar.

G1 MT
ARAGUAIA NOTÍCIA
Uma mulher denunciou à polícia ter sido agredida em um posto de combustível, em Cuiabá, na saída para Chapada dos Guimarães, no domingo (26). O suspeito é um policial civil, que segurou no braço dela, com força, causando fratura. Com o braço quebrado, ela foi levada ao hospital e teve que fazer uma cirurgia.

A esteticista Dediane da Silva Coelho foi ao posto com a amiga Rosângela Rodrigues para beber uma cerveja, na loja de conveniência.

Na mesa ao lado estava o policial com uma mulher, um policial que é amigo dele e outra amiga. Ela conta que a amiga deles ia o tempo todo na mesa delas para 'paquerar' e disse que já havia dito que não estava se sentindo confortável com a atitude dela.

Rosangela e Dediane decidiram ir embora pela insistência da mulher de ir até a mesa delas e, quando se levantaram, tentou beijar Dediane. Ela ficou com muita raiva e deu um tapa na mulher. Foi quando o suspeito torceu o braço dela e o quebrou para defender a amiga.

O amigo do policial deu cotoveladas na cabeça de Dediane, segundo a denúncia.

Ela foi direto para um hospital particular e a amiga registrou o boletim de ocorrência. Dediane conta que precisaria fazer uma cirurgia para colocar pinos no braço e uma tomografia para saber se houve alguma lesão na cabeça. A cirurgia está marcada para esta terça-feira (28).
Notícias Relacionadas »
Comentários »