16/07/2020 às 23h08min - Atualizada em 16/07/2020 às 23h08min

Prefeitura informa que não foi notificada mas recorrerá da decisão que impõe quarentena obrigatória a Barra do Garças

A decisão impõe fechamento do comércio não essencial lanchonetes, igrejas, bares, restaurantes, salões de beleza e lojas no centro

Assessoria / Secom BG
ARAGUAIA NOTÍCIA


A Prefeitura de Barra do Garças informa que ainda não foi notificada da decisão judicial da 1ª Vara Especializada da Fazenda Pública de Várzea Grande sobre as medidas sanitárias voltadas à prevenção e ao enfrentamento da COVID-19.

A Prefeitura de Barra do Garças ressalta que, durante a pandemia do novo coronavírus, tomou todas as precauções para conter o avanço do vírus, inclusive, com a implantação de leitos de UTI exclusivos para Covid-19.

A Prefeitura lamenta a decisão, pois, municípios menores estão com números superiores de infectados, porém, não se aplicaram tais medidas, mesmo Barra do Garças ocupando a 16ª colocação no ranking da Secretaria de Estado de Saúde.



A Prefeitura destaca ainda que a decisão judicial será cumprida após a notificação e antecipa, que ingressará com recurso em instância superior por discordar das determinações e por entender que o município tem adotado as medidas não farmacológicas suficientes para o enfrentamento da pandemia, contando com a colaboração da população local.

Portanto, decisão judicial não se discute, cumpre-se. 

Prefeitura Municipal de Barra do Garças
Notícias Relacionadas »
Comentários »