12/07/2020 às 10h50min - Atualizada em 12/07/2020 às 10h50min

Casal é preso acusado de manter boca de fumo e corrupção de menores

Assessoria / Polícia Civil
ARAGUAIA NOTÍCIA
Um ponto de venda de droga foi desarticulado, um casal preso e uma adolescente apreendida pela Polícia Civil de Confresa (1.160 km a nordeste de Cuiabá), na quinta-feira (09.07), durante investigação de crimes de roubos cometidos no município.  

Além das prisões, a ação da Delegacia Especializada de Roubo e Furto (Derf) de Confresa resultou na apreensão de duas armas de fogo, munições, entorpecentes e dinheiro.

O suspeito de 27 anos e sua companheira de 25 anos foram autuados em flagrante pelos crimes de corrupção de menores, posse ilegal de arma de fogo de uso restrito ou proibido, posse irregular de arma de fogo de uso permitido, tráfico de drogas e associação para o tráfico. A terceira envolvida, uma adolescente de 16 anos, responderá pela prática de atos infracionais análogos à posse ilegal de arma de fogo, tráfico e associação para o tráfico.

Durante diligências para apurar roubos ocorridos na cidade, os policiais civis identificaram uma residência no bairro Jardim do Eden usada para venda de drogas e esconderijo de armas de fogo utilizadas em crimes.

Os investigadores passaram a monitorar o local e foi constatada grande movimentação de pessoas na casa. Diante das evidências, a equipe se aproximou do imóvel e ao abordar um usuário no local foram realizadas buscas e encontrados dois revólveres (um calibre 38 e outro calibre 357), munições, mais de R$ 1,8 mil em dinheiro, uma balança de precisão, entorpecentes, aparelhos celulares e uma motocicleta.

Após o flagrante, o casal foi encaminhado para a Derf, junto com todo material apreendido e foram interrogados pelo delegado Allan Vitor Sousa da Mata. A adolescente também foi ouvida na delegacia.



O casal foi autuado pelos crimes de corrupção de menores, posse ilegal de arma de fogo de uso restrito ou proibido, posse irregular de arma de fogo de uso permitido, tráfico de drogas e associação para o tráfico. Em desfavor da adolescente foi lavrado Boletim de Ocorrência Circunstâncias pela prática de atos infracionais análogos à posse ilegal de arma de fogo, tráfico e associação para o tráfico.

Em seguida, o suspeito foi transferido para Cadeia Pública de Porto Alegre do Norte, a presa aguardará autorização para ser levada a unidade prisional feminina de Nova Xavantina.
Notícias Relacionadas »
Comentários »