17/06/2020 às 15h25min - Atualizada em 17/06/2020 às 15h25min

Depois de muita aflição, médico e coronel da PM saem da sedação e devem receber alta em breve em Barra do Garças

Eles foram contaminados com coronavirus ainda no mês de maio e chegaram a ficar na UTI por vários dias

Araguaia Notícia
A expectativa é muito grande em Barra do Garças, no leste de Mato Grosso, para acompanhar a alta hospitalar de um casal que enfrentou o Covid e esteve internado na UTI por vários dias. O médico Rodrigo Gusmão e a esposa, a coronel da Polícia Militar Andréia Costa.

Ambos foram acometidos do vírus ainda no mês de maio quando Gusmão atuava na linha de frente contra o Covid em Barra do Garças. Ele foi infectado e consequentemente contaminou a esposa. O médico no dia 15/5 percebeu algumas alterações no exame pulmonar que fez e logo sequencia vieram os sintomas. Ele se internou e o quadro médico piorou rapidamente vindo parar na UTI. Andréia arruinou na sequencia e foi internada também com alteração no pulmão e foi necessário a sedação na UTI.

O site Araguaia Notícia apurou que foram dias e noites de muita luta por parte dos médicos no tratamento do casal trocando remédios e até métodos claro sem desrespeitar o protocolo de atendimento do Covid mas finalmente Gusmão e Andreia corresponderam ao esforço. Eles já estão fora da sedação e se continuar neste ritmo logo vão receber alta.

Essa foto que o site Araguaia Notícia teve acesso mostra Gusmão e Andréia sorrindo ambos já sem sedação e recebendo soro já restabelecidos da parte mais agressiva do tratamento. 

A família informou que eles ainda estão na UTI monitorados por aparelhos, conscientes, orientados, responsivos, porém ainda muito debilitados e fracos devido a quantidade de dias que ficaram sedados para o tratamento principalmente do pulmão.  

Gusmão está com traqueo já processo diminuição orifício, sem respirador, sem suplementação de oxigênio. Enquanto que Andreia continua com drenos nós pulmões, respira também sem respirador, sem suplementação de oxigênio.



Ambos continuam com acesso para medicamentos intravenosos até término do ciclo estipulado pela equipe médica.
Pela evolução, e se não houver nenhuma intercorrência negativa, a equipe médica acredita que em breve o casal receberá alta hospitalar, e continuará o resto do tratamento em casa no serviço Home Care até reabilitação por completo.

A família pediu ao site Araguaia Notícia para registrar um agradecimento em nome da família pelas orações que forma feitas em favor do casal e que essas orações sejam mantidas até que eles estejam em casa e em favor também das outras pessoas acometidas do coronavírus.

No boletim de ontem, Barra do Garças está com 130 casos dos quais 56 já estão curados e 47 pessoas tem sintomas leves e sendo tratadas de casa mesmo e 20 estão hospitalizados. Vale explicar que o casal Gusmão e Andreia mora em Pontal do Araguaia e, portanto, não aparece no boletim de Barra do Garças mas sim do município pontalense.
Com fé, e conscientização de todos, dias melhores virão.
Notícias Relacionadas »
Comentários »