26/10/2013 às 09h49min - Atualizada em 26/10/2013 às 09h49min

Ex-prefeito é multado por irregularidades em contas

Olhar Direto
Olhar Direto

O Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (TCE) julgou regular, mas fez recomendações, determinações e aplicações de multas aos responsáveis das contas da Prefeitura de Barra do Garças referentes ao exercício 2012 e multou o ex-prefeito Wanderlei Farias dos Santos (PR) em R$ 2,9 mil (55 UPFs). De acordo com o parecer do relator, conselheiro Sergio Ricardo, foram verificadas 22 irregularidades.

Os responsáveis pela elaboração das contas apresentaram defesa, mas quinze das vinte e duas impropriedades foram mantidas por serem consideradas de natureza grave. O TCE notificou os gestores, porém, eles não ofereceram manifestações finais.

Entre as impropriedades, o relator detectou uma situação de ‘sobre preço’ na conta de Wanderlei com relação aos pregões eletrônicos dos lotes 13 e 34 e orientou ao atual prefeito, Roberto Farias (PSD), a ação de medidas corretivas para evitar reincidências e apuração de possível sobre preço nos procedimentos mencionados.

Além do ex-prefeito Wanderlei, quatro servidores públicos da prefeitura também foram multados. Eles são apontados pela co-responsabilidade na gestão das contas. Após o parecer do TCE, as contas de Wanderlei seguem para ser avaliadas pelo legislativo de Barra do Garças e deve entrar na pauta no início de novembro. 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

75.0%
23.7%
1.3%