28/05/2020 às 18h13min - Atualizada em 28/05/2020 às 18h13min

Fiscalização flagra academias e restaurantes abertos de forma ilegal

A equipe aponta ainda aumento considerável de reclamações relacionadas a eventos com aglomeração de pessoas, especialmente nos finais de semana

Folha Max
ARAGUAIA NOTÍCIA


Análise dos dados obtidos com relatório expedido pela Secretaria de Ordem Pública (Sorp) entregue semanalmente para apreciação do prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, apontam elevação no número de denúncias recebidas por descumprimento das normas municipais pelo Disque-denúncia, principalmente no que tange a aglomerações, falta de equipamentos de proteção individual, descumprimento de horário e ainda comércio irregular. De acordo com o relatório, na primeira semana de trabalho, de 23 a 27/03 foram registradas 249 denúncias. Já no período de 30/03 a 03/04 foram outras 247; de 06 a 09/04 o relatório aponta 195. Já no período de 13 a 17/04 o número caiu para 134.

De 20 a 24/04 despencou para 75 denúncias. No período de 27 a 30/04 registrou-se um leve aumento, com 91 e chegou a 57 no início de maio.



E agora dobrou para 115, de 11/05 a 15/05, e 110 registros de 18/05 a 22/05, totalizando 1.273 denúncias somente no serviço de disque-denúncia da Sorp. O Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp), de 23 de março a 24 de maio, registrou 3.706 denúncias. A maior incidência de denúncias e reclamações de inobservância dos Decretos Municipais em face das seguintes atividades econômicas: distribuidoras de bebidas, conveniências, salões de beleza e barbearias, supermercados, bares, e comércio ambulante, destacando-se, na última semana, uma maior incidência de denúncias de academias e restaurantes que também passaram a figurar na lista de maiores reclamações. A partir da edição dos Decretos Municipais nº 7898 e nº 7920, verificou-se considerável número de reclamações sore de aglomerações em áreas comuns nos condomínios residenciais e, principalmente, em campos de futebol, sobretudo nos finais de semana.

A fiscalização aponta ainda aumento considerável de reclamações relacionadas a eventos (festas particulares, lives, torneios esportivos, dentro outras práticas desportivas em espaços públicos) com aglomeração de pessoas, especialmente nos finais de semana, tanto no período diurno quanto noturno. A Secretaria Municipal de Ordem Pública (Sorp) aposta em um comprometimento maior da população. “Temos intensificado a fiscalização, no tocante às atividades apontadas com maior número de registros de reclamações, com adoção de medidas administrativas punitivas (multa e suspensão de atividade), o que já vem sendo orientado desde o dia 7 de abril de 2020, no entanto é preciso considerar que só a consciência poderá despertar resultados mais satisfatórios”, disse o secretário municipal de Ordem Pública, Leovaldo Sales.

DENÚNCIA

O Disque-denúncia da Secretaria Municipal de Ordem Pública está recebendo as manifestações em horário comercial. A denúncia recebida pode ser anônima ou identificada. Após o recebimento, a Gerência de Fiscalização acionará a equipe mais próxima para vistoria e demais procedimentos.  O telefone do disque-denúncia é o (65) 3616-9614 e funciona de segunda à sexta em horário comercial. No período noturno, finais de semana e feriados, o contato é direto com as equipes do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (CIOSP) pelo telefone 190.

 
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
5.5%
17.6%
75.2%