04/08/2011 às 22h00min - Atualizada em 04/08/2011 às 22h00min

Maurição teme que mudanças em Ministério prejudicam ferrovia do Centro Oeste

Olhar Direto
Reprodução

A saída do ex-presidente da Valec, José Francisco das Neves, o "Juquinha", do cargo e as recentes mudanças junto ao Ministério dos Transportes podem atrasar ou até mesmo suspender alguns empreendimentos intermodais do Centro Oeste. Entre eles, está a Ferrovia de Integração do Centro Oeste (Fico), prevista para ligar Campinorte (GO) e Lucas do Rio Verde (MT) passando por Água Boa, a 780 km de Cuiabá.

O edital da ferrovia estava previsto para ser lançado no mês de julho conforme havia anunciado ex-presidente Juquinha antes de sua demissão, porém com sua saída, o cronograma foi alterado e ninguém sabe ao certo quando será realizado esse edital fato que preocupa o prefeito de Água Boa, Maurício Tonhá (PR). “Essa ferrovia é importante não só para o Araguaia, mas para o país porque estamos no celeiro de grãos que abastece em alimentos o mundo e há necessidade de se investir em escoamento”, destacou.

Tonhá lamentou a saída do diretor nacional do DNIT, Luiz Antônio Pagot e de outros assessores como Juquinha que tinham interesse em ajudar no desenvolvimento intermodal do Centro Oeste. O republicano destacou os avanços das rodovias no Vale do Araguaia como a retomada do asfalto da Br 158 e a discussão para federalização da MT 100.

O prefeito de Água Boa espera que a nova equipe do Ministério dos Transportes não altere o pré-estabelecido e que lance logo o edital de construção do trecho da Fico que contemple a região Centro Oeste com custo estimado de R$ 3 bilhões e previsão que seja executado em dois anos.

Hoje a produção de grãos do Araguaia é transportado em carretas para os portos de Santos e São Simão. O traçado da ferrovia passando por Água Boa diminuiria distancias e custos fortalecendo a produção do Araguaia. Tonhá disse que vai aguardar mais um tempo e depois pretende convidar a bancada federal de MT e fazer gestões na nova equipe do Ministério dos Transportes.

Uma vantagem da região de Água Boa com relação a esse assunto, segundo Tonhá, é o fato que quando foi lançada a Ferrovia Fico em 2010 o ministro dos Transportes já era Paulo Sérgio Passos, que já conhece o pleito do Vale do Araguaia, diz Tonhá.
 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

2.2%
4.4%
19.4%
73.9%