21/05/2020 às 16h40min - Atualizada em 21/05/2020 às 16h40min

PF prende proprietário de loteamento irregular por grilagem de terra em área de preservação do rio Araguaia

A prisão foi realizada município de Araguaiana por uma equipe da Polícia Federal de Barra do Garças

Araguaia Notícia


A Polícia Federal prendeu em flagrante, na quinta-feira (21/05), um homem responsável por parcelamento irregular do solo para fins urbanos, prática conhecida como “grilagem”. A prisão foi efetuada durante operação realizada em Área de Proteção Permanente do Rio Araguaia no município de Araguaiana/MT, nas regiões conhecidas como Volta Grande, Cachoeirinha e Cachoeira Grande.

As investigações realizadas pela Delegacia de Polícia Federal em Barra do Garças apontam que o indiciado estaria comercializando 51 frações irregulares (lotes) sem qualquer título e em área ambientalmente protegida, de interesse direto da União (Área de proteção permanente do Rio Araguaia), possibilitando o cometimento de diversos crimes ambientais.

A PF alerta ainda que diversas pessoas são investigadas por práticas semelhantes (em aproximadamente 160 pontos identificados), cujos danos ao meio ambiente e ordenamento urbano equilibrado são drásticas, motivo pelo qual as diligências policiais federais serão contínuas, com possibilidade de outras prisões nos próximos dias.

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.6%
5.5%
17.7%
75.2%