11/05/2020 às 09h16min - Atualizada em 11/05/2020 às 09h16min

Mulher de 60 anos é a 4ª vítima de Covid e Barra do Garças tem o maior número de mortos do Estado VEJA VÍDEO

Dona Rosa passou mal no sábado e foi a primeira paciente a usar a nova ala com leitos exclusivos do PSM de Barra para atender casos graves de Covid-19

Araguaia Notícia
Rosa é irmão do finado cabo Xavier do pesque e pague
Faleceu no domingo (10/5) em Barra do Garças, Rosa Quirina de Jesus, de 60 anos, a quarta vítima de Covid na cidade. Dona Rosa morava num sítio na saída de Barra do Garças para General Carneiro e passou mal no sábado. Como mais esse óbito, Barra tem 4 e assume a liderança com relação ao número de mortos de Covid-19 em Mato Grosso, na frente Cuiabá, Rondonópolis, Sinop e Lucas do Rio Verde que tem dois, cada uma. O estado tem 19 óbitos. 

Ela foi levada até a Unidade de Pronto Atendimento pois tem problemas de hipertensão e cardíaco e estaria também com alguns sintomas de Covid. Um teste rápido feito no domingo confirmou que ela estava com o novo coronavírus e imediatamente ela foi levada para nova UTI montada para receber pacientes com Covid no Hospital Milton Morbeck.

No sábado ainda a família entrou em desesperou e uma postagem foi realizada dizendo que não havia leito para atender dona Rosa e que um leito particular no MedBarra custaria 6.200 a diária. Algumas pessoas até se dispuseram ajudar, porém essa situação foi esclarecida.

O sobrinho da dona Rosa, Leandro Nogueira, disse que na manhã de segunda-feira que a família foi prontamente atendida na UPA e que a tia dele foi até a primeira paciente a inaugurar a nova UTI para pacientes em estado grave de Covid.

“Minha prima estava nervosa e não é pra menos naquele momento. Mas recebemos até uma ligação da Secretaria de Saúde dando total atendimento a nossa família”. Explicou.

Dona Rosa é irmão do finado cabo Xavier, do pesque e pague. Ela ultimamente estava ficando na chácara. O esposo dela está em isolamento domiciliar. Leandro disse que a família não sabe onde a dona Rosa pegou Covid.



“Minha tinha não era de sair. Ela completou 60 anos dia 14/4 e falei com ela na quinta-feira estava até animada para organizar o encontro da nossa família. Realmente foi uma surpresa muito triste para nós”, destacou.

Como a dona Rosa pouco saia de casa, do sítio onde mora, entra em investigação a hipótese de alguma pessoa de fora (assintomática) pode ter levado a enfermidade para ela. Agora a cidade de Barra do Garças tem 4 óbitos e 28 casos confirmados.

A doença aumentou em 540% nos últimos dias e o prefeito Roberto Farias deve anunciar nesta segunda-feira nova medidas para conter o avanço do novo coronavírus em Barra do Garças. A região do Vale do Araguaia tem 5 óbitos e 45 casos confirmados.

Ficam aqui as condolências para família da dona Rosa. Ela deixa três filhas e dois netos.
 
 
Notícias Relacionadas »
Comentários »