12/04/2020 às 19h54min - Atualizada em 12/04/2020 às 19h54min

Deputado é convidado para trocar AL para assumir Secitec

Max Aguiar / Olhar Direto
ARAGUAIA NOTÍCIA


Após passar o período de pandemia do novo coronavírus, o governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM), deverá fazer algumas mudanças em sua equipe de trabalho do primeiro escalão. Entre as trocas, conforme fontes do Olhar Direto, já está definida a ida do deputado estadual Faissal Calil (PV) para a Secretaria de Ciências e Tecnologia (Secitec). 

Faissal já deveria ter deixado a Assembleia Legislativa no começo do ano, logo após a volta dos trabalhos para o Legislativo 2020, porém os trabalhos de combate ao novo coronavírus atrasaram sua posse como secretário. Porém, a ida do deputado para o Executivo não é apenas uma mera mudança de cadeira, mas também uma tentativa de fortalecimento do governador dentro da Assembleia.

Com a saída confirmada de Faissal, quem assume a cadeira será o suplente de deputado Oscar Bezerra (PV), que é aliado de Mendes e é mais um voto favorável ao Governo em votações polêmicas da Casa. O planejamento do governador pe visando o período crítico de economia, reformas que terão de ser votadas e mensagens do Governo, que algumas vezes não passa por causa de um ou dois votos.



O atual secretário da Secitec, ex-prefeito de Glória D'Oeste, Nilton Borgato (PSD), deve continuar como funcionário do Executivo, ou voltará para a região, que tem um aglomerado de 22 municípios e deverá ser um capitalizador de votos para as próximas eleições. Porém, essa decisão não está tomada. 

Faissal está em momento de conversas com a família e alguns militantes que o acompanham desde o período em que foi vereador por Cuiabá. Por hora, o deputado não quis comentar sobre o assunto, mas confirmou o convite e evidenciou um "já era pra eu ter assumido", mas disse que o momento agora é de pensar em saúde pública e ajuda ao próximo.

Além dessa mudança, outras devem acontecer, como uma indicação para ocupar o cargo deixado por Carlos Fávaro, em Brasília e mudanças também devem acontecer na pasta da Educação. 

Mauro não estaria contente com o trabalho prestado pela atual Gestora, Marioneide Angélica Kliemaschewsky, e deverá anunciar Alan Porto, que já foi seu secretário de Meio Ambiente na Prefeitura de Cuiabá e hoje é adjunto na Educação. 

Por ser momentos de pandemia, o governador não quer tratar de assuntos políticos nesse momento. Porém, fontes do Palácio Paiaguás afirmam que Mauro não está muito contente com seu alto escalão e nem todos devem continuar os trabalhos pelos anos que restam de Governo.   
Notícias Relacionadas »
Comentários »