10/04/2020 às 10h04min - Atualizada em 10/04/2020 às 10h04min

Jovem comete suicídio e IML ‘segura’ corpo por não ter médico legista plantonista em Barra do Garças

Araguaia Notícia


Uma família barra-garcense está desde às 6 horas da manhã de sexta-feira (10/4) vivendo um drama devido a morte do jovem metalúrgico Willian Neres Paco, de 26 anos. Infelizmente esse rapaz devido a um problema de depressão nos últimos dias cometeu suicídio se enforcando em casa.

A família desesperada acionou a polícia e o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML). Só que agora o cadáver está ‘retido’ no IML, conforme informou parentes ao site Araguaia Notícia, porque não tem médico legista de plantão nesta sexta-feira. O IML de Barra do Garças está com número reduzido de médicos legistas porque alguns estão de licença e com isso a escala de serviço tem dias sem legista. 

Os funcionários do IML estão tentando localizar o plantonista de sábado (11/4) para liberar o corpo, porém a informação é que o telefone do profissional está desligado e ele se encontra na fazenda. Caso não consigam localizá-lo, os funcionários informaram a família que o cadáver ficará retido no IML até sábado. 



A família está indignada com a situação. Parentes estão se dirigindo a delegacia para registrar queixa desta situação. O caixão para sepultamento já foi viabilizado junto a funerária de plantão. Trata-se de urna simples, mas que consegue atender a necessidade da família que é humilde.

Devido a pandemia do coronavirus, as autoridades da saúde aconselham que os velórios sejam rápidos e apenas com familiares para evitar aglomeração.

Willian esteve recentemente na cidade de Gaúcha do Norte onde trabalhou um tempo com o pai e retornou para Barra do Garças de onde é natural e morava com a mãe. Familiares de outras cidades querem saber se vai ter velório para se despedirem do rapaz. A mãe dele, Rose Maiara, está inconformada com a situação e pede ao IML que libere logo o corpo do filho para ser velado.
Notícias Relacionadas »
Comentários »