27/03/2020 às 21h10min - Atualizada em 27/03/2020 às 21h10min

Paciente está entubado com suspeita de coronavírus no Araguaia

Secretaria de Saúde de Confresa informou hoje de manhã que o paciente foi intubado e é suspeita de estar infectado pelo COVID-19

Agencia da Notícia
ARAGUAIA NOTÍCIA


O paciente internado desde quinta-feira na UPA em Confresa, que segundo a secretaria de saúde do município, estaria com suspeita de COVID-19, é o caso mais grave da região já registrado até o momento, ele precisou ser entubado na manhã de sexta-feira (27), porque não conseguia respirar.

O paciente precisa ser transferido com urgência para uma Unidade de Terapia Intensiva UTI, desde o momento da internação, os responsáveis pela regulamentação alegam que os 163 leitos de UTI no estado estavam ocupados, e que não havia como fazer a transferência do paciente.

A esposa do paciente procurou o Ministério Público em Porto Alegre do Norte, que se encontra de plantão, mas conseguiu contato por telefone com a promotora de justiça Dra. Graziella Salina Ferrari, que prontamente ouviu e atendeu o pedido da família, ajuizando uma ação para que os entes da Federação providenciassem com a máxima urgência uma UTI para o paciente com suspeita de COVID-19.



O tramite entre o contato da família com a formalização da denúncia do MP, não levaram mais que três horas, e a Justiça agiu rapidamente, acatando e deferindo o pedido liminar e concedeu o prazo de 48 horas para os entes (Estado e Município) providenciarem uma vaga de em leito de UTI para o paciente.

Segundo a esposa do Paciente, a UTI área deve estar ainda na manhã deste sábado em Confresa. “Quero agradecer demais a Dra. Graziella pela atenção, ao Juiz que atendeu o pedido, porque o meu esposo corre um sério risco de morte, e estávamos pela misericórdia de Deus”, disse ela com exclusividade ao Agência da Notícia.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

2.1%
4.2%
20.4%
73.3%