17/03/2020 às 17h27min - Atualizada em 17/03/2020 às 17h27min

Feiras de Barra do Garças são suspensas por tempo indeterminado para prevenção do coronavírus

As feiras da Agricultura Familiar e do Baratão que voltaram a fazer sucesso em Barra do Garças com apoio do prefeito Roberto Farias serão suspensas até que a situação do coronavírus se normalizesão suspensas por tempo indeterminado em Barra do Garças

Secom - BG
ARAGUAIA NOTÍCIA


O Conselho Municipal das Feiras de Barra do Garças decidiu nesta terça-feira (17), suspender por tempo indeterminado, a realização da Feira da Agricultura Familiar e da Feira do Baratão, às sextas e domingos. A decisão atende o Decreto nº 407 do Governo do Estado e medidas anunciadas pelo prefeito Roberto Farias para evitar a contaminação da população pelo coronavírus.

A suspensão das feiras foi amplamente discutida pelos membros do Conselho e representantes da comunidade, que participaram de uma reunião emergencial na tarde desta terça-feira, na Secretaria de Indústria, Comércio e Desenvolvimento Rural, e decidiram pelo acompanhamento das medidas que já tinham sido anunciadas pelo governador e prefeito. Dez 10 conselheiros votaram pela suspensão, dois votaram contra e dois se não se manifestaram.

Segundo o secretário de Indústria, Comércio e Desenvolvimento Rural, Jeová Ferreira da Silva, a medida é sensata. “O baixado pelo governador Mauro Mendes prevê a suspensão de eventos com mais de 200 pessoas e além disso, o prefeito Roberto Farias anunciou uma série de medidas que visa preservar a saúde da população, evitando que o vírus se prolifere em Barra do Garças, que ainda não registrou nenhum caso”, ressaltou.



Implantada em novembro do ano passado, a Feira da Agricultura Familiar reúne aproximadamente 300 feirantes às sextas-feiras, e um público flutuante de 5 mil pessoas na avenida Salomé José Rodrigues, e aos domingos, na Feira do Baratão, cerca de 150 feirantes atraem mais de 1,2 mil pessoas às compras.

“Não podemos expor as pessoas ao risco. São medidas drásticas, mas que visam salvar vidas. Essa é a preocupação do prefeito Roberto Farias, que nos orientou a adotar medidas que favoreçam a saúde pública”, destacou Jeová, lembrando que as aulas da rede municipal já haviam sido suspensas e todos os eventos públicos e privados cancelados para evitar aglomerações e, consequentemente, a transmissão comunitária do coronavírus.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a empresa de Água continuar com serviço irregular, o que deve ser feito pelo prefeito? Deixê a sua opinião internauta

1.7%
4.7%
20.3%
73.3%