10/03/2020 às 15h27min - Atualizada em 10/03/2020 às 15h27min

Menino de 2 anos morre após chupar melancia em Barra do Garças; família precisa de ajuda

Araguaia Notícia
Ainda continua com causa incerta a morte do menino Brayan da Silva, de 2 anos e 9 meses de idade, que faleceu na madrugada de segunda-feira (9/3) após ter comido melancia em casa na cidade de Barra do Garças, no leste de Mato Grosso. Segundo informações da mãe, a criança mais cedo tinha tomado um suco de morango e depois pediu um pedaço de melancia que a mãe deu.

Isso era a noite e o menino rapidamente começou a passar mal e logo vomitou uma gosma branca deixando a mãe em desespero que logo pediu ajuda de vizinhos e amigos.

O filho foi levado ao hospital, todavia já chegou sem vida. A equipe do hospital pediu que o corpo do menino foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para fazer uma necropsia e apurar a causa da morte, no entanto, a gerência médica do IML de Barra do Garças está apenas com 3 legistas pois um entrou de licença e na segunda-feira estava sem médico legista para atender e o corpo do garotinho foi encaminhado para fazer exame na cidade de Água Boa, a 280 km aumentando mais ainda o sofrimento da família.

O laudo que vai explicar o que realmente motivou a morte de Brayan deve ficar pronto somente dentro de 30 dias ou mais segundo a família foi informada. A mãe, que veio do Piauí para trabalhar na Friboi e mora de aluguel no Jardim das Mangueiras, está resguardo porque tinha acabado de ganhar o segundo filho.

Amigos da Friboi e do bairro resolveram então fazer uma campanha rede social para arrecadar donativos para Elizangela da Silva. A funerária que ficou encarregada pelo enterro do menino chegou a pedir um valor absurdo no início e depois recuou vendo as condições precárias da família.

Um senhor, que trabalha com revenda de suplementos alimentares esteve na noite de segunda-feira na casa de Elizangela, e pagou a despesa funerária, todavia pediu para que o nome dele não fosse revelado. Ficam aqui os agradecimentos a esse irmão tão generoso. Diversas pessoas pegaram a conta de Elizangela e espontaneamente depositaram valores para ajudá-la neste momento.

Quem quiser fazer o mesmo gesto pode depositar qualquer valor na conta da Elizangela da Silva, da Caixa Econômica Federal, agencia 3338, operação 013, conta fácil 1620-7. Sabemos que doação nenhuma trará o Brayan de volta ou vai diminuir a dor neste momento, mas vai ajudar no recomeço da vida desta mãe.

Acompanhe uma homenagem que foi feita ao Brayan que era muito conhecido no bairro Jardim das Mangueiras e que deixará saudade em todos nós.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »