16/01/2020 às 14h04min - Atualizada em 16/01/2020 às 14h04min

Prefeitura e forças de segurança se unem para reduzir mortes no trânsito de Barra do Garças

Secom - BG
ARAGUAIA NOTÍCIA
Tenente-coronel Andréia apresenta números e sugere ações para reduzir acidentes na Barra


Representantes da Prefeitura de Barra do Garças, Segurança Pública e segmentos organizados de Barra do Garças, que compõem o Gabinete de Gestão Integrada do Trânsito (GGIT), se reuniram nesta terça-feira (14), para buscar alternativas que possam colaborar para a redução de mortes no trânsito local. A reunião aconteceu nas dependências do 2º Batalhão de Polícia Militar (2º BPM), no bairro São João.

As ações do GGIT começaram ainda em 2019, logo após a divulgação do relatório de acidentes registrados em Barra do Garças. Os números foram apresentados ao prefeito Roberto Farias que, de imediato, sugeriu a criação do Gabinete com o envolvimento do município e instituições públicas e privadas na busca de uma solução para o problema. A partir dessa iniciativa teve início a discussão das medidas.

Segundo o secretário de Transportes e Serviços Públicos, Carlos Gontijo, a Prefeitura de Barra do Garças reconhece que a cidade cresceu muito nos últimos anos e, além do crescimento, ainda existe também a população flutuante que colabora para agravar o problema “Diante disso, o município está indicando uma pessoa que irá participar das discussões como representante da Coordenadoria de Trânsito para discutirmos essas ações, que são necessárias para humanizar o trânsito”, destacou.

%BANNNER%

De acordo com a comandante do 2º BPM, tenente-coronel Andréia Costa, a reunião desta terça-feira serviu para discutir o que pode ser feito para melhorar o trânsito em Barra do Garças. “Esse não é um problema apenas de Polícia Militar. Devemos trabalhar com todos os órgãos para buscarmos melhorias e reduzirmos esses números alarmantes. Infelizmente, em 2019 o trânsito foi o que mais matou pessoas (32 vítimas fatais) e esperamos reverter essa realidade no final deste ano”, disse.

Além da Prefeitura de Barra do Garças, participam do Gabinete de Gestão Integrada do Trânsito, a Câmara de Vereadores, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Politec, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), BR Tran e autoescolas.
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Com UTIs lotadas, Barra do Garças deve ou não aderir lockdown? 3 pacientes aguardam vagas

74.3%
24.3%
1.4%