11/01/2020 às 10h29min - Atualizada em 11/01/2020 às 10h29min

Suspeito de matar advogado é preso em Mato Grosso

O crime de latrocínio aconteceu no estado do Piauí e um dos suspeitos foi preso em Cuiabá

Assessoria / PJC MT
ARAGUAIA NOTÍCIA
A vítima Ozires de Castro Machado Neto Foto: Divulgação
Um dos autores do latrocínio que vitimou um advogado, no ano de 2017, no estado do Piauí, teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso, na sexta-feira (10.01), em ação da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) e Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO).

Considerado foragido da justiça, o suspeito estava com o mandado de prisão em aberto expedido pela 3ª Vara Criminal de Teresina (PI), por participação no latrocínio que teve como vítima o advogado, Ozires de Castro Machado Neto,  de 28 anos, na época do crime (foto ao lado).

O crime ocorreu em setembro de 2017, quando o advogado foi atingido por disparos de arma de fogo ao tentar escapar de um assalto, no bairro Saci, zona Sul de Teresina. A vítima chegou a ser socorrida mas não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital.

A prisão do foragido aconteceu após as equipes da DHPP e GCCO receberem denúncia anônima sobre o seu paradeiro. Durante as diligências, os policiais conseguiram localizar o suspeito em uma residência no bairro Jardim Vitória em Cuiabá.

Após as formalidades de praxe o preso encaminhado para Gerência de Polinter e Capturas (Gepol).


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »